Colégio Web

Colégio no DF espalha QR Codes com problemas matemáticos

Publicidade

A matemática é uma matéria temida pela grande maioria dos estudantes. Mas muitos especialistas em educação colocam a culpa da aversão aos números na forma como eles são ensinados para os estudantes. Muitas vezes é senso comum que falta criatividade nos educadores.

Colégio no DF espalha QR Codes com problemas matemáticos

Com o objetivo de envolver mais os estudantes no ensino desta importante disciplina, um professor de uma escola localizada no Distrito Federal resolveu utilizar a adoração que os jovens têm pelos seus smartphones e tablets para envolver os alunos ainda mais com os números.

O professor Cristiano Prates, que leciona no colégio do Riacho Fundo, criou uma série de QR Codes (códigos que podem ser lidos pelas câmeras de smartphones e tablets) e espalhou pela escola. Ao fazer a leitura dos códigos com o celular, os estudantes tinham acesso a um problema de matemática que precisava ser resolvido.

O projeto acabou tendo uma espécie de fase piloto, de testes, durante as Olímpiadas de Matemática, e funciona como uma espécie de “caça aos tesouros”, quando os estudantes eram desafiados a encontrarem todos os códigos que foram espalhados pelo local e resolver todos os problemas de matemática que apareciam nas telas dos seus dispositivos móveis.

Procurando problemas

Colégio no DF espalha QR Codes com problemas matemáticos 2

De acordo com o professor, o projeto acabou dando muito certo e promoveu uma gincana entre os estudantes muito saudável. De quebra, o professor ainda observou uma melhora significativa no desempeno dos estudantes dentro da sala de aula na hora de resolver os problemas que eram trabalhados na brincadeira.

O professor espera agora continuar utilizando os smartphones dos alunos como uma forma de incentivo ao aprendizado, diferente de outros profissionais da educação que tendem a abominar o equipamento dentro da sala de aula.

A direção da instituição também aprova a utilização dos smartphones dentro de sala de aula como uma forma de incentivo aos estudos.

 

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados