Colégio Web

Brasil recebe menos estudantes norte-americanos do que Argentina e Costa Rica

Publicidade

Os estudantes universitários norte-americanos estão escolhendo países como Argentina e Costa Rica como destino ao invés do Brasil quando decidem fazer algum programa de graduação ou pós na América Latina. Os dados constam em um ranking divulgado nos EUA esta semana.

Brasil recebe menos estudantes norte-americanos do que Argentina e Costa Rica

Somente 1,4% de todos os alunos que optaram por fazer algum programa de estudos fora do seu país de origem escolherem o Brasil como destino. No topo da lista global está o Reino Unido, com 12,2% do total de estudantes. Na Europa também aparecem outros países, como Itália, Espanha e também a França.

O Brasil ocupa a 14ª colocação do ranking global. Nesta mesma lista dois países da América do Sul e Central estão em posições melhores em relação ao Brasil: Argentina e também a Costa Rica. O número total de estudantes dos Estados Unidos que vieram para o Brasil no período levado em consideração pelo relatório foi de 4 mil. Em contrapartida, mais de 10,8 mil estudantes brasileiros foram para os EUA fazer intercâmbio.

Esforços

Nos últimos meses o governo federal brasileiro deu início a uma série de programas com o principal objetivo de atrair um maior número de estudantes do exterior. O principal objetivo das relações exteriores brasileiras é conseguir convencer as instituições de ensino superior estrangeiras, especialmente as dos Estados Unidos, que as instituições de ensino brasileiras também podem ser atraentes.

O intercâmbio de estudantes de nível superior é considerado fundamental para o desenvolvimento da ciência e também para a produção do conhecimento.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados