Colégio Web

33 mil alunos brasileiros farão provas de avaliação para ranking mundial

Publicidade

Cerca de 33 mil estudantes brasileiros deverão fazer as provas do Programa Internacional de Avaliação de Estudantes (Pisa) neste ano. De acordo com os dados divulgados pelo Ministério da Educação, os alunos escolhidos irão representar 965 escolas diferentes. Todos os selecionados este ano nasceram no ano de 1999.

33 mil alunos brasileiros farão provas de avaliação para ranking mundial

De acordo com o cronograma de aplicação das provas, elas serão aplicadas ao longo do mês de maio. Os resultados obtidos vão fazer parte de um ranking mundial da educação, medindo o índice de qualidade das escolas brasileira e comparando com outros países do mundo. Além disso, os dados obtidos nestes testes também serão utilizados para definição de políticas públicas nacionais de ensino.

Os resultados das provas deverão ser divulgados durante o segundo semestre de 2016.

Avaliação

As provas do Pisa testam os estudantes em ciências, matemática e leitura, sendo que em cada edição aplicada existe a escolha de uma disciplina que acaba tendo uma maior importância. Na edição deste ano, o tema principal será ciências.

33 mil alunos brasileiros farão provas de avaliação para ranking mundial 2

O cronograma global das provas prevê que ele seja aplicado de três em três anos, sempre com a participação de alunos de 15 anos de idade. De acordo com os dados da última edição, que aconteceu no ano de 2012, o Brasil ficou em 58º lugar em matemática, 55º em leitura e 59º em ciências.

Provas

As provas do Pisa são aplicadas em computadores, sendo que os estudantes terão que realizar os testes em dois sessões de uma hora de duração cada. Além deste tempo os estudantes também terão cerca de 35 minutos para preencher uma série de questionários que vão ajudar a entender melhor os perfis dos alunos que participam do Pisa.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados