Colégio Web

O espectro eletromagnético e a luz visível

Publicidade

O espectro eletromagnético e a luz visível

Existem vários tipos de ondas eletromagnéticas, que como já vimos se diferenciam através de suas freqüências. Porém nem todas possuem a capacidade de excitar nossos órgãos visuais, proporcionando-nos assim a sensação de visão. 

Todas as ondas eletromagnéticas que são visíveis, como a luz, por exemplo, possuem uma faixa estreita de freqüências que se estende aproximadamente de 4,5. 1014Hz (vermelho), a 7,5. 1014Hz (violeta). 

Esta faixa possui as sete cores fundamentais que podemos relacioná-las em ordem de freqüência crescentes, como: vermelho, alaranjado, amarelo, verde, azul, anil e violeta. 

Todas as radiações que apresentam uma freqüência menor que 4,5. 1014Hz, não são capazes de estimular nossos olhos, tornando-se assim invisíveis, como por exemplo, as ondas de calor (o infravermelho), os fornos e telefonia (microondas) e a TV e o rádio AM e FM (radiofreqüência). 

Já todas as radiações que apresentam uma freqüência maior que 7,5. 1014Hz, também são invisíveis, como por exemplo, os raios –X que são usados na medicina, o ultravioleta e os raios –y que são usados no tratamento de câncer. 

Vejamos a figura abaixo, que nos mostra um espectro eletromagnético, onde vários tipos de ondas eletromagnéticas aparecem relacionados pela seguinte freqüência: 

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados