Colégio Web

A cultura grega

Publicidade

7. A cultura grega 

Em Atenas o século V a.C. ficou conhecido como o Século de Péricles. Esse período foi o mais marcante da civilização grega, devido ao forte desenvolvimento cultural. Suas criações podem ser vistas até os dias atuais. 

A religião 

Os gregos eram politeístas e adoravam muitos deuses, sua religião era antropomórfica, ou seja, os seus deuses eram representados por uma figura humana. 

Alguns homens tinham uma feição mais parecida com a dos deuses, estes eram considerados heróis, assim surgiram os mitos que narravam os acontecimentos da vida desses heróis e também dos deuses, originando a Mitologia

A mitologia grega 

O mito é uma narrativa de caráter simbólico que relata e explica a origem do Homem e dos deuses, bem como os fenômenos sobrenaturais, costumes e atividade humanas de uma determinada cultura. 

O objetivo do mito era fornecer um conjunto de acontecimentos fabulosos que explicasse a realidade do mundo. Sua função é atuar como mediador entre o sagrado e o profano. 

Os deuses do Olimpo 

Durante a Antiguidade existia uma infinidade de deuses locais, cada qual tinha uma ligação com um local sagrado. Com o passar do tempo, doze deuses ganharam mais destaque em relação aos outros, e em 750 a.C a história desses deuses foi escrita no Monte Olimpo por Hesíodo.

Veja abaixo como cada deus foi simbolizado:

Zeus – O sábio. Era o ser supremo, o senhor dos deuses no Olimpo e protetor da Grécia.
Hera – Terceira mulher de Zeus. Protetora das mulheres e das mães.
Atena – Deusa da sabedoria.
Apolo – Deus da luz, saúde e da morte repentina.
Ártemis – Deusa da luz, irmã gêmea de Apolo.
Hermes – Mensageiro dos deuses.
Ares – Deus da guerra, detestado por todos os deuses.
Hefesto – Ferreiro aleijado dos deuses.
Afrodite – Deusa do amor, a mais bela das deusas.
Posêidon – Deus dos mares.
Héstia – Deusa do fogo.
Deméter – Deusa da fertilidade da terra.

 
Zeus no Olimpo

 Os jogos olímpicos 

Os Jogos Olímpicos era uma forma de homenagem a Zeus, a cada quatro anos os gregos de todas as cidades-estado se encontravam na cidade Olímpia para realizar uma série de competições esportivas em diversas modalidades. Os atletas eram considerados indivíduos sagrados, e o prêmio dos vencedores era uma coroa feita de ramos de oliveira que tinha um grande valor para o atleta e para sua cidade, além disso, os atletas vencedores eram homenageados em suas cidades com a construção de estátuas. 

O teatro grego 

O teatro surgiu na Grécia no século XVI de a.C, as peças teatrais eram dedicadas a representações religiosas, sempre apresentadas ao ar livre.
A palavra teatro é de origem grega, “théatron”, e significa “lugar onde se vê”. 

Na Grécia antiga freqüentar o teatro era algo que o governo julgava necessário e por essa razão proporcionava aos mais necessitados a condição de comparecer aos espetáculos, mesmo porque eram os ricos quem patrocinavam as apresentações. 

As artes 

Os gregos desenvolveram a arte principalmente nas arquiteturas e esculturas, ambas eram harmoniosas e sóbrias, e buscavam sempre a perfeição. 

Os gregos sempre representavam temas religiosos em suas obras. 

O auge das artes gregas ocorreu entre os anos de 447 a 438 a.C, com a construção da Acrópole de Atenas e as esculturas de Fídias. 

As esculturas gregas eram ricas em detalhes, pois os gregos buscavam alcançar a perfeição humana por isso é possível observar nessas obras expressões e sentimentos, músculos e nervos. 


Discóbolo, de Mi-ron.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados