Colégio Web

Emigração

1Nas décadas de 80 e 90 vários brasileiros deixaram o Brasil em função das crises econômicas graves aqui enfrentadas. O desemprego assustava as pessoas junto com outros impactos da globalização. O papel das novas tecnologias também gerou mudanças, pois essas ferramentas não foram responsáveis apenas por benesses, mas também retiraram oportunidades e postos de trabalho. Assim, “correr mundo” acabou sendo um traço da população brasileira em tais períodos.

Publicidade

E que nações estiveram no alvo dos brasileiros? Foram muitos, mas na maioria das vezes a saída do Brasil tinha como destino um país desenvolvido. Três deles foram os principais focos: Estados Unidos com cerca de 800.000 mil brasileiros, Paraguai com quase 455.000 mil e Japão com 254.000.

Os Brasiguaios foram em busca de atividades agrícolas especialmente relacionadas à soja. Lá, garantiram bons níveis de vida. Ao longo dos últimos anos, muitos brasileiros também se deslocaram para a Bolívia. Quase 1.000 famílias brasileiras fizeram esse movimento. No solo estadunidense, especialmente nos anos 90, muitos brasileiros sem muita qualificação foram em busca do sonho americano para lavar pratos, limpar residências, construir casas e desempenhar outras atividades típicas dos imigrante nos EUA. A dificuldade para atravessar as fronteiras continua bem intensa. A destinação de vistos de permanência ainda é um assunto discutido até mesmo do ponto de vista político. As cidades que mais atraem brasileiros são Nova York, Boston e Miami.

Antes de todo esse movimento para os dois países acima citados, o Japão era o destino preferido pelo brasileiro.
Nos anos 80, o Governo Japonês permitiu que descendentes diretos chegassem ao país, pois para eles a mão de obra brasileira era menos custosa e fácil de ser moldada.

Em razão da grande crise econômica que afetou o Brasil nos últimos anos, milhões de brasileiros começaram a emigrar em busca de melhores condições econômicas. Os principais países de destino dos brasileiros foram: estados unidos, Argentina, Paraguai, Portugal, Japão, Espanha e Itália.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados