Colégio Web

Jorge de Lima

Publicidade

Jorge de Lima (União, Alagoas, 1898-Rio de Janeiro, 1953)


Nascimento e morte – Jorge Mateus de Lima nasce em 23 de abril de 1895, em União dos Palmares (AL). Morre em 16 de novembro de 1953, no Rio de Janeiro (RJ).

Medicina – Inicia, em 1911, a faculdade de Medicina (Salvador, BA), concluindo-a em 1915, no Rio de Janeiro.

Política – Elegeu-se Deputado Estadual pelo Partido Republicano de Alagoas (1926) e vereador pela UDN (1946).

Segunda geração – Sua poesia vincula-se à segunda geração do Modernismo. Sua poética contempla desde o soneto, com versos alexandrinos, até o verso livre. Seus temas preferidos são cenas da infância e motivos regionais.

Poemas famosos:

1. O Acendedor de Lampiões

2. Essa Negra Fulô

Principais obras de Jorge de Lima:

1. O Mundo do Menino Impossível (1925),

2. Novos Poemas (1930)

3. Tempo e Eternidade (1935)

4. A Túnica Inconsútil (1938)

5. Poemas Negros (1947)

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados