Colégio Web

Escritores Marcantes da Literatura Italiana

A literatura italiana é fantástica e tem muito a agregar para cada um de nós, brasileiros. Separamos os 3 principais escritores da história. Conheça-os!

Publicidade

A literatura brasileira é muito rica, assim como a literatura portuguesa, a espanhola, a inglesa e francesa. Também não podemos deixar de mencionar a literatura latino-americana e a estadunidense. Porém, uma, contudo, merece uma atenção especial de quem procura se aprofundar mais nas tradições literárias latinas: a literatura italiana.

Nomes como Giuseppe Ungaretti, Alessandro Tommaso Manzoni, Giacomo Leopardi e Giuseppe Gioachino Belli são fundamentais para quem procura conhecer mais sobre a literatura da “velha bota”.

Falaremos aqui de alguns deles para que você escolha por qual deseja começar, lembrando que alguns talvez não tenham sido traduzidos para o português, o que pode ser mais um estímulo para você aprender o maravilhoso idioma italiano.

3 Escritores Marcantes da Literatura Italiana

Literatura Italiana

Giuseppe Ungaretti

Nascido em Alexandria, no Egito, em 8 de fevereiro de 1888, filho de pais italianos, e morto em 2 de junho de 1970, em Milão, na Itália. Ungaretti era um poeta, que chegou a morar no Brasil por um breve período, tempo em que deu aulas de italiano na Universidade de São Paulo (USP). Chegou a lutar como soldado voluntário durante a Primeira Guerra Mundial, tendo combatido na província italiana de Trieste e também na França. Sua obra inclui poesias sobre temas diversos, muito ligados desejo por mudanças, que sempre o acompanhou. Sua obra é majoritariamente autobiográfica. Seus principais títulos são “Il porto sepolto” de 1916, “La guerre” de 1919 e “Il taccuino del Vecchio” de 1960.

Giacomo Leopardi

Nascido em Recanati, em 29 de junho de 1798, e morto em 14 de junho de 1837 em Nápoles. Era um poeta, ensaísta e filólogo de grande talento, cujo principal destaque de sua obra se deu na poesia. Sua obra traduz um pessimismo sobre a natureza humana e também uma melancolia e um ceticismo muito grandes. Suas principais obras são “Operette Morali” de 1827, que reúnem um conjunto de pequenas histórias sobre a natureza do homem em poemas, “Versi” de 1826 e “La Ginestra”, que foi concluída em 1836, um ano antes de sua morte.

Alessandro Manzoni

Nascido em Milão, em 7 de março de 1785, e morto em 22 de maio de 1873 também em Milão. Era um poeta e escritor que também chegou a exercer o cargo de senador no antigo Reino de Itália. É considerado por diversos críticos literários de seu país como um dos maiores escritores italianos de todos os tempos. Sua principal obra é “I promessi sposi”, que foi escrita em três versões entre 1821 e 1840. Essa obra foi traduzida para o português com o título de “Os noivos”. O título original da obra era “Fermo e Lucia”, mas Manzoni ficou insatisfeito com este e o trocou pelo definitivo em 1840. Essa é considerada por muitos como sendo a sua obra-prima, sendo lembrada em diversas citações de grandes obras literárias italianas. Fez também a publicação de algumas poesias, mas nenhuma com o brilho apresentado em “I promessi sposi”.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados