Colégio Web

Pré-História da América

Publicidade

A América passou a ser povoada entre 40000 e 20000 a.C, por imigrantes humanos da raça, mongolóide e pré-mongolóide, em que sua especialidade era a caça e a coleta, entraram na América por Bering, uma cidade que estava emersa por causa por causa do baixo nível do mar. Chegaram também de outras partes outros tipos de povos através dos mares, que formou os povos ameríndios, que utilizavam como instrumentos, objetos de pedras, ossos e relacionado à fauna.

Muito que se sabe da história da América se dá pelo fato, se serem encontrados pedaços desses instrumentos de trabalho, e ossos desses povos. Usavam também como fonte de alimentação e comercialização, a caça, esse período foi chamado de paleolítico superior, em que deixavam seus instrumentos somente de pedras e redondas para instrumentos pontiagudos (facas). E entre 8000 e 6000 a. C, esses instrumentos evoluíram ainda mais, agora ficaram com formas de triângulos e com pontas maiores que permaneceram até a chegada dos europeus. 

Em 5000 e 4000 a. C, houve o processo de neolitilização, e várias fases começaram a aparecer como, por exemplo: a fase da cerâmica, dos tecidos, da coleta dos vegetais, artefatos, que eram usados como pedra, e a comercialização da agricultura e de outros instrumentos de trabalho.

Revolução neolítica. Em algumas zonas do México, da América Central e dos Andes centrais e setentrionais, começou, entre 5000 e 4000 a.C um processo de neolitilização semelhante ao do Velho Mundo, embora cronologicamente posterior. Caracterizou-se pelo aparecimento seqüencial de várias fases: formas sistemáticas de coleta de vegetais; sedentarização, criação de gado, o cultivo de alimentos, como os vegetais (batata, milho, girassol e etc.).

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados