Colégio Web

Esparta e Atenas

Publicidade

Atenas 

Atenas era uma cidade que eatava situada na península Ática, cidade jônica. Como algumas cidades Atenas, foi desenvolvida a partir de contatos com outras cidades, como por exemplo: um colono egípcio, chamado de Cécrope, que morreu para salvar seu país da invasão dos chamados Dórios. Fazendo com que sua cultura e civilização mudassem.


Acrópole

Socialmente Atenas, quem poderia ser considerado Ateniense, tinha de ser filhos de pai e mãe ateniense, ou seja, quem não tinha descendência ateniense poderia usar do que a cidade oferecia, mas não poderia ter total naturalidade (ateniense). Por isso a população ateniense era dividida em três: cidadãos, metrecos e escravos. 

Com o passar dos tempos começaram a surgir os comerciantes e os empresários das indústrias, que se uniam com intuito de melhorar a qualidade de vida da população, se unindo assim a política, depois Drácon começou a escrever as primeiras leis. 

Com o crescimento do homem a partir de sua luta para a igualdade, foi dado o direito aos atenienses a democracia e o direito à cidadania, ou seja, todas as pessoas poderiam ser consideradas cidadãs apesar de não terem nascido naquele território; mas para isso foram realizadas reformas políticas; depois 10 (dez) tribos foram divididas em um mesmo território, e a Eclésia passou ater mais poder.

EspartaÉ localizada no sudeste do Peloponeso, cercada por muitas montanhas. Foi conquistada pelos Dórios, invadida pelos Aqueus e habitadas pelos povos chamados; Pelasgos. Houve em Esparta muitas guerras para que fosse conquistado o solo, ou seja, as guerras em Esparta se deram por três motivos:
• Necessidade de outras terras;
• Abater o poder de um país sobre o seu;
• Aumentar as tropas militares, auxiliares ou aliadas. 

Assim como em Atenas, a nacionalidade de Esparta, também era permitida somente para quem fosse descendente de uma pessoa naturalizada da cidade. A divisão de sua população era feita a partir de divisões, ou seja, era dividida em três: ilotas, periecos e espaciatas. A educação em Espartas era visada somente para formar soldados. 

No exército de Espartas havia 30 mil homens, mais 500 na cavalaria, esses soldados viviam somente para a guerra. Esparta com esse exército dominou muitas cidades, fazendo-se assim superior a cidade, essa fase ganhou o nome de Hegemonia espartana. 

Houve então em 431 e 404 a.C. uma guerra entre Atenas Espartas em que sua razão foi, porque Atenas teve um grande crescimento e poder sobre os Espartas, e sua população.
Esparta venceu a guerra, e teve Atenas como “refém”, fazendo-os passar todo o tipo de dificuldade até o ano de 404 a. Cem 403 a.Ca democracia no país foi restabelecida.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados