Colégio Web

Personagens mais impiedosos da História

Publicidade

A História da humanidade é sem sombra de dúvidas grandiosa e cheia de personagens marcantes, com muitos heróis e com muitos líderes verdadeiramente honrados e cheios de virtudes.

Mas nem só de pessoas boas e de bom caráter é feita a nossa História, já que há também uma grande quantidade de personagens cruéis e de índole duvidosa, personagens impiedosos e monstruosos que marcaram época.

Portanto, nas próximas linhas, nós vamos procurar mostrar alguns dos personagens mais impiedosos da História da humanidade, para que você conheça um pouco mais do nível de loucura e insanidade que o ser humano pode atingir quando está no poder.

Herodes, o Grande

Personagens mais impiedosos da História

Herodes foi o rei da Judéia durante o período que vai de 37 a. C. até 4 a. C., e era conhecido por ser um verdadeiro tirano, completamente sem coração, sanguinário e extremamente paranoico.

Por conta disso, ele acabou por cometer algumas das maiores atrocidades da História, como o famoso Massacre dos Inocentes, quando por medo dos boatos do nascimento do Cristo (que de fato havia nascido), mandou matar todos os bebês do sexo masculino de Belém.

Ninguém sabe ao certo quantos bebês foram mortos, mas se desconfia que pelo menos 10 mil tenham sido assassinados por conta da insanidade de Herodes.

Nero

Imperador de Roma durante o período que vai do ano 54 até o ano 68, Nero entrou para a História como o “louco” que ateou fogo em Roma enquanto ficava tocando harpa.

A verdade é que ele de fato incendiou Roma, mas esta não foi a única cidade na qual ele atirou fogo, já que outras também sucumbiram pelo mesmo motivo a mando do imperador Nero.

Ele também mandou assassinar milhares de pessoas, e não pensou duas vezes antes de mandar matar pessoas próximas e familiares, como a sua tia, sua irmã, sua ex-esposa, seu irmão e sua própria mãe.

Calígula

Outro imperador romano, Calígula governou Roma entre os anos de 37 e 41, e apesar do pouco tempo em que ficou no poder, foi capaz de entrar para a História como uma das pessoas mais cruéis que já viveu.

Sádico e selvagem ao extremo, Calígula adorava práticas sexuais bizarras, e também era dado às práticas de tortura, sendo ele mesmo o torturador, se divertindo enquanto esquartejava pessoas vivas.

Calígula chegou a decapitar crianças, e adorava cortar a língua das pessoas, além de também ter o hábito de comer os testículos de suas vítimas.

caligula

Átila, o huno

Rei dos hunos durante 434 a 453, Átila devastou boa parte da Europa e Ásia central, ganhando o apelido de “flagelo de Deus”, por conta das atrocidades que praticava por onde passava.

Normalmente, mandava incendiar as cidades e aldeias que saqueava, levando mulheres como escravas sexuais e matando todos os homens, deixando apenas crianças para trás, numa terra onde sal era jogado para que nada mais nascesse.

Ghengis Khan

Governando entre os anos de 1206 a 1227, Ghengis Khan foi um dos maiores conquistadores da História do mundo, e também um dos mais cruéis homens que a Terra já viu.

Em um único massacre comandado por ele, nada menos do que 700 mil pessoas foram mortas, e ele gostava de mandar matar inimigos derramando metais fundidos fervendo nos olhos e ouvidos deles.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados