Colégio Web

Maiores genocídios da História

Publicidade

Muito tem se falado sobre os conflitos atuais que estão ocorrendo na Faixa de Gaza, com uma grande parcela defendendo os palestinos e o Hamas, e outra parcela considerável tomando o partido de Israel.

Pois a verdade é que o que ocorre na Faixa de Gaza é um conflito com origens profundas, mas que, em números frios, sequer pode ser classificado de genocídio, como muitas pessoas têm classificado.

Portanto, vamos conhecer alguns dos maiores genocídios da História da humanidade, para que as pessoas possam entender como um genocídio pode ser diferente, especialmente em número de mortos, do que o conflito na Faixa de Gaza apresenta.

Populações indígenas

Após a chegada de Colombo em 1492, o fato é que os povos indígenas foram vitimas de um verdadeiro massacre promovido pelos europeus, que chegaram, segundo estimativas, a matar mais de 15 milhões de pessoas.

Genocidios

E isso, quando somamos o que foi feito por ingleses, por espanhóis e por portugueses, sendo que grande parte das mortes se deu simplesmente pelo contato, já que os europeus trouxeram doenças para as quais os indígenas não tinham qualquer tipo de defesa imunológica.

Holocausto

O Holocausto é como ficou conhecido no mundo todo o genocídio dos judeus promovido pelo nazismo alemão durante a Segunda Guerra Mundial, quando um total de 5,5 milhões de pessoas foi morto simplesmente por serem judias.

A chamada “solução final” empreendida por Adolf Hitler simplesmente exterminou judeus nos campos de concentração de diversas formas, sendo que por fuzilamento, por câmara de gás e por inanição acabaram sendo as formas mais utilizadas.

Indonésia

Na Indonésia, no ano de 1965, em um período de apenas 6 meses, aproximadamente 500 mil pessoas foram mortas simplesmente por serem simpatizantes ou militantes do Partido Comunista da Indonésia (PKI). As mortes foram causadas por um golpe militar.

Indonesia Genocidio

Camboja

Depois da Guerra do Vietnã ter deixado mais de 150 mil mortos no Camboja em virtude dos bombardeios constantes, o Khmer Rouge de Pol Pot chegou ao poder no país, levando mais de 20% da população à morte por causa dos trabalhos forçados, além da fome e das doenças. A população do Camboja era de 1,7 milhão de pessoas na época.

Ruanda

No ano de 1994, uma verdadeira guerra civil tomou conta de Ruanda, levando à morte mais de 700 mil pessoas da etnia tutsi pelas mãos de pessoas da etnia majoritária, a hutu, em um episódio de barbárie que comoveu a comunidade internacional na época.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados