Colégio Web

Detalhes da Guerra do Iraque

Publicidade

Muita gente se lembra da primeira Guerra do Iraque, que ocorreu em 1991, mas a verdade é que a segunda Guerra do Iraque, que teve início em 20 de março de 2003 e cujo desenrolar acabou gerando desdobramentos muito mais impactantes, é mais importante historicamente falando.

Portanto, nas próximas linhas, nós vamos falar de modo mais detalhado sobre a Guerra do Iraque, mostrando, entre outras coisas, o que a motivou e quais foram as conclusões deste conflito sangrento que vitimou mais de 55 mil pessoas.

A mentira

Guerra do Iraque

O que motivou a invasão do Iraque, que acabou dando início à Guerra do Iraque, foi a mentira sustentada pelo então presidente dos Estados Unidos, George W. Bush e pelo então primeiro ministro britânico Tony Blair.

Ambos defendiam que o Iraque estava desenvolvendo secretamente armas de destruição em massa, especialmente armamento químico, entre outros, e que por este motivo, seria necessária uma intervenção militar envolvendo forças dos Estados Unidos e do Reino Unido, bem como de aliados.

No entanto, depois que a invasão já havia sido feita, acabam vindo à tona documentos que comprovavam que na verdade, não havia indícios de que o Iraque de fato planejava criar um arsenal de destruição maciça, e também não se conseguiu comprovar qualquer tipo de envolvimento entre o então ditador iraquiano Saddam Hussein e a organização terrorista Al-Qaeda.

As tropas envolvidas

A maior parte do contingente que foi utilizado para realizar a invasão do Iraque vinha dos Estados Unidos e também do Reino Unido, que eram os países que mais tinham interesse em realizar a operação e dar início à guerra.

No entanto, também fizeram parte da operação de invasão do Iraque que deu início à guerra alguns pequenos contingentes provenientes dos seguintes países aliados: Dinamarca, Austrália e Polônia.

Iraque Guerra

A derrota das tropas republicanas do Iraque foi rápida, e em bem pouco tempo, aparentemente, a invasão estava concretizada, e foi dado início à caça de Saddam Hussein, que acabou sendo capturado em 13 de dezembro de 2003, para ser enforcado após julgamento no dia 30 de dezembro de 2006.

No entanto, insurgentes começaram a atacar as tropas aliadas, especialmente dos Estados Unidos e também do Reino Unido, e a Guerra do Iraque acabou se estendendo por mais tempo do que o esperado.

Com isto, mortes e mais mortes foram ocorrendo, e a ocupação acabou se estendendo até o dia 15 de dezembro de 2011, quando formalmente foi feita a transferência do comando de tropas para as forças iraquianas democraticamente eleitas.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados