Colégio Web

Como se deu a revolução húngara?

Publicidade

Quando estudamos história na escola, aprendemos muito sobre a revolução francesa, as revoluções inglesas, algo sobre a história norte-americana e também sobre as revoluções que houve no decorrer da história do Brasil.

Com isso acabamos tendo a ideia que os fatos que aprendemos foram os únicos fatos relevantes que aconteceram na história da Europa. Uma ideia que é completamente errada. A Hungria, por exemplo, é um país dona de uma história rica e de uma revolução importante e decisiva para toda a sua história.

E é exatamente por isso que vamos contar aqui um pouco mais sobre o que aconteceu e o que foi a revolução húngara.

O que foi a revolução húngara

Como se deu a revolução húngara

Durante a década de 1950 o regime socialista era forte e dominante na região leste da Europa. Tudo isso por causa da forte intervenção causada por representantes soviéticos e também húngaros do regime stalinista.

Teoricamente o regime se trataria de um governo interessado em proteger os interesses das classes trabalhadoras de cada um dos países. Porém, o que realmente aconteceu foi que este próprio regime de aspiração popular foi questionado pelo povo de Budapeste, que foi às ruas em 1956, durante a revolução húngara.

O início do levante popular que levou à revolução começou em 28 de junho de 1956, data em que os poloneses se mobilizaram e reivindicaram pela realização de eleições livres, melhores condições de vida e também pela retirada do exército soviético.

Os soviéticos então responderam mostrando a cara totalitária do seu regime. Assim, eles abriram fogo contra os rebeldes, matando e ferindo 50 pessoas. Assim, vendo tais acontecimentos, os húngaros foram às ruas para protestar contra o domínio socialista vigente no país.

revolução húngara

Os governos de Enrö Gero e Matias Rakosi já havia esgotado a população e o país, que sofria com índices econômicos cada vez mais alarmantes. Desse modo, a população que estava insatisfeita com o domínio do modelo político soviético tomou as ruas de Budapeste em protesto, na noite de 23 de outubro de 1956.

Houve um troca de tiros entre oficiais e a população e a derrubada da estátua de Stálin, que ficava na Praça dos Heróis. Tudo isso só mostrava cada vez mais a disposição do povo em lutar pelo direito de uma configuração política que fosse mais direta e mais representativa.

E foi assim que a revolta, que começou como uma manifestação estudantil contra o governo, resultou em uma revolta que se espalhou rapidamente por todo o país e que resultou na tão desejada e batalhada derrubada do governo. E foi assim que começou o processo de mudanças políticas da Hungria, que finalmente havia começado a se libertar do domínio do sistema político soviético.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados