Colégio Web

Abraham Lincoln: o presidente que encerrou a escravidão nos EUA

Publicidade

A escravidão sempre foi um tema muito controverso e muito caro para praticamente todas as culturas que fizeram uso dela em algum momento de sua História, e com os Estados Unidos isto não poderia deixar de ser diferente.

Muitas pessoas sofreram e morreram em virtude dela, e o país, especialmente o sul, cresceu em grande medida por conta dos escravos africanos que vinham em navios negreiros para trabalhar nas lavouras de algodão e de outros tipos de monoculturas.

Os reflexos da escravidão são vistos nos Estados Unidos até os dias de hoje, com conflitos raciais ocorrendo de vez em quando por conta de algum ato ou crime com motivação racial.

Mas você sabe quem foi o presidente que conseguiu encerrar com a escravidão nos EUA? Pois seu nome é Abraham Lincoln, simplesmente o maior presidente da História do país.

A Guerra Civil Americana

Abraham Lincoln USA

Quando Lincoln governou, os Estados Unidos estavam em plena Guerra Civil Americana, quando conflitos entre o sul escravista e o norte abolicionista tomaram conta do país e quase levaram ao fracasso todo o sonho americano de uma nação forte e unida.

Só por isso, e pelo fato de ter conseguido manter o país unificado mesmo depois de todas as agruras do conflito, Lincoln já deveria ter seu nome cravado na História dos Estados Unidos como um dos maiores de todos.

Mas o fato é que foi a sua luta para acabar com a escravidão no país que o colocou na História como o maior de todos, já que ele foi o presidente responsável por abolir de vez o trabalho escravo de todos os estados da nação.

Uma luta inglória

Lincoln

Os Estados Confederados da América, que representavam os escravistas do sul do país, surgiram em virtude da eleição de Lincoln, que tinha apoio apenas do norte dos Estados Unidos.

E com isto, uma disputa entre escravistas de um lado, e abolicionistas de outro, teve início, enquanto Lincoln trabalhava para governar o país e para garantir que ele não se dividisse ao término dos conflitos.

Mas Lincoln também lutou para acabar definitivamente com a escravidão, fato que se deu, depois de uma luta inglória e árdua para aprovar a Décima Terceira Emenda à Constituição dos Estados Unidos.

Para aprová-la, Lincoln teve de fazer articulações inimagináveis, e ao conseguir fazer isto, ele conseguiu debelar a escravidão daquela que viria a ser a nação mais importante economicamente e militarmente do mundo.

No entanto, apenas seis dias depois do término oficial da Guerra Civil Americana, Lincoln foi assassinado por um ator que simpatizava com a causa dos Confederados, entrando definitivamente para a História.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados