Colégio Web

As tranfusões de sangue

Publicidade

As tranfusões de sangue 

No plasma sanguíneo (parte líquida), existem substâncias dissolvidas denominadas aglutininas (que agem como “anticorpos”) especializadas na destruição por aglutinação de hemácias que, por acaso, apresentem aglutinogênios estranhos a este organismo. 

As aglutininas podem ser: Anti-A (especializada em “destruir” hemácias tipo A) e Anti-B (especializada em destruir hemácias tipo B). 

Assim, para que uma transfusão ocorra sem problemas devemos ter: As hemácias (aglutinogênios) do doador devem ser aceitas pelo plasma (aglutininas) do receptor.

 

Transfusões Possíveis: 

Através deste esquema podemos concluir que, como o indivíduo AB não possui aglutinas, ele só pode doar apenas para um indivíduo do mesmo tipo dele, porém, ele pode receber sangue de todos os tipos, por isso é chamado de receptor universal. 

O indivíduo do tipo O, que não possuem aglutinogênios, só podem receber sangue do tipo O, porém, pode doar para todos os tipos de sangue, por isso é chamado de doador universal.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados