Colégio Web

Suécia e Noruega: 110 anos da separação de um reino

Publicidade

Neste ano comemora-se 110 anos da separação definitiva da Suécia e da Noruega. Em 1814, juntas, formaram o chamado Reino da Suécia e Noruega ou, ainda, União sueco-norueguesa, durante as guerras napoleônicas. Depois, o reino foi dissolvido, em 1905.

A Suécia e a Noruega fazem fronteira entre si e estão localizados na Península Escandinava na Europa Setentrional. Essa região possui as mais baixas temperaturas da Europa.

Desde os tempos de Magno IV, que foi eleito Rei pelos dois estados, no ano de 1319 a 1350, depois passando pelo reinado de Haakon VI, que casou-se com Margarida, princesa da Dinamarca, e mais outra vez com Érico da Pomerânia que foi coroado rei de todos os países Nórdicos, incluindo a Dinamarca, na conhecida União de Kalmar.

Um tratado forçado

Suecia Noruega

É bom salientar que sempre houve consenso em todas as vezes que estes dois reinos se juntaram. Mas no ano de 1814 a Noruega foi forçada militarmente a juntar-se com a Suécia.

O tratado assinado na chamada Convenção de Moss, em 1814, obrigou a Noruega a se unir com a Suécia, os dois países passando a partilhar da mesma regência, com um só monarca, o Rei Carlos XIII, que era da Suécia. Ele conduziria a política exterior e a defesa dos dois países.

Esses estados, no entanto, gozariam de autonomia política e administrativa e teriam, ainda, suas próprias leis.

Um reino de paz

No entanto, mesmo que o poder tenha sido da Suécia e que a Noruega tenha sido forçada a juntar-se, esta gozou de plenos direitos políticos e também de uma liberdade sociocultural. O reino possuía duas línguas e duas capitais, Cristiânia, que é a atual Oslo e Estocolmo.

União Sueco-Norueguesa

Um pouco dos dois países

A NORUEGA, desde Haroldo Cabelo Belo, que foi o primeiro rei ainda na era Viking, até os dias de hoje tem sido uma monarquia. E, atualmente, se diz uma Monarquia Constitucional Unitária, com sistema Parlamentar de governo.

Em 2009 foi considerada pela ONU como o país com melhor qualidade de vida e avaliada como a nação mais pacífica do mundo, pelo Índice Global da Paz em 2007.

O REINO DA SUÉCIA tem sido um país unificado, que expandiu seus territórios ainda na idade média, quando se formou o Império Sueco. Ao longo dos tempos perdeu parte de seu território, como a Finlândia, para os Russos. Atualmente é um país que tem prezado pela neutralidade política. É também uma Monarquia Constitucional Parlamentar.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados