Colégio Web

Percepções básicas do Mundo em que vivemos

Publicidade

Quando começamos a estudar Geografia, muito do conteúdo parece não fixar em nossa mente, pois nos perdemos quanto ao planeta em que vivemos. Não sabemos onde tá cada país, como é o clima, a distância entre um e outro, então fica complicado para imaginar o que o professor está dizendo.

Depois de mais velhos, decoramos o Mapa Mundi e passamos a compreender a Terra, portanto fica mais simples de entender a matéria. Agora, se você está começando a estudar Geografia e não conseguiu decorar os continentes e localização dos países e hemisférios, você pode trabalhar pensando na lógica.

3 dicas para compreender a Terra

Percepções básicas do Mundo em que vivemos

Caso você consiga entender a lógica que mostraremos nas dicas abaixo, sem dúvidas você passará a entender tudo o que o professor quer dizer em aula. São pequenos detalhes na Geografia que facilitam o aprendizado.

Você pode utilizar um mapa enquanto lê nossos artigos, pois assim relacionará os tópicos abaixo com a realidade. Pronto para conhecer nossas dicas?

1# – Hemisfério Sul x Hemisfério Norte

Os professores de Geografia sempre dizem nas aulas sobre os Hemisférios Sul e Norte. Eles são importantes para auxiliar na compreensão de diversos fatores, como estações do ano. Você sabia que é o inverso entre os dois hemisférios? O Brasil, por exemplo, está no hemisfério sul e a Inglaterra, no hemisfério norte. Quando é verão aqui, os britânicos estão passando por um período de muito frio, pois lá em cima é inverno.

Podemos dividir os hemisférios pela Economia também. Os países que são mais ricos estão localizados no norte, enquanto os mais pobres, ao sul, com exceção da Austrália. Portanto, se te perguntarem onde está a Itália, França ou Estado Unidos da América, você saberá que estão no hemisfério norte, pois são considerados de Primeiro Mundo.

2# – Oeste x Leste

Além da divisão da Terra em norte e sul, há também a divisão leste e oeste, onde dividem o planeta em lado direito e esquerdo, respectivamente. As linhas menores representam os fusos horários, portanto, quando há muita discrepância do horário do Brasil em relação a outro país, este é um sinal de que eles estão longe um do outro.

Você pode se basear também que a Ásia fica no lado leste e a América do Sul, do Brasil, fica no lado oeste, ou seja, os dois extremos laterais da Terra. Assim, você terá mais noção do que fica próximo a um ou a outro. No meio deles, por exemplo, há a Inglaterra.

3# – Países nos continentes

Para decorar, também, onde cada país se encontra em cada continente você pode usar algumas ideias de história. Por exemplo, a Espanha colonizou diversos países, como Colômbia, Venezuela, Chile e todos os outros países da América do Sul. Portanto, quando citarem algum país que foi colonizado pela Espanha há altas chances de estar na América do Sul e também na América Central. No caso de Portugal, há apenas alguns países da África e o Brasil que foram colonizados.

Para saber quais países estão na América do Norte, basta decorar México, Canadá e Estados Unidos da América! Na Ásia, todos de olhos puxados; na Europa os países mais ricos; e na África, os países mais desconhecidos (Eritreia, São Tomé e Príncipe, etc).

Dicas simples, mas bastante úteis. Compartilhe com seus amigos!

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados