Colégio Web

Mistério por trás do Triângulo das Bermudas

Publicidade

Você já deve ter escutado que os navios e os aviões, desde 1945, costumam desaparecer da rota quando passam por determinados lugares, como o Triângulo das Bermudas. Muitos se questionam o por que deste acontecimento. Hoje eu vim trazer a resposta! Neste artigo você vai ficar por dentro deste mistério, que é o principal motivo pelos desaparecimentos de navios e aviões.

Se você não sabe o que é o Triângulo das Bermudas, não se preocupe, neste texto vou explicar o que é, como funciona e o seu verdadeiro mistério, que ninguém lhe falou. Confira agora:

O que é o Triângulo das Bermudas?

O Triângulo das Bermudas nada mais é do que uma área que varia, aproximadamente, de 1,1 milhão de km² até 3,95 milhões de km². Essa variação acontece por conta de fatores físicos, químicos, climáticos, geográficos e também geofísicos da região. São eles os responsáveis por influenciar decisivamente no cálculo do tamanho da sua área. Está localizado no Oceano Atlântico entre as ilhas Bermudas, Porto Rico, Fort Lauderdale na Flórida e as Bahamas. Os limites das pontas dessa região formam um triângulo imaginário sobre as águas do mar do Caribe, por isso recebe este nome.

Triângulo das Bermudas

O que de fato deixa muita gente curiosa, inclusive os cientistas, é que desde o ano de 1945 vários aviões e navios simplesmente desapareceram para sempre depois de passar pelo local. Ninguém desvendava o mistério, mas a partir de agora você vai saber o motivo.

O mistério

A área geográfica, de mais de um milhão de quilômetros quadrados, reserva um mistério que durante muitos anos refletem a causa desses tantos desaparecimentos. Durante muitas décadas, o Triângulo das Bermudas foi alvo de diversos tipos de especulações que buscassem explicar o fenômeno, com o passar dos tempos, muitos cientistas em busca de uma resposta acabaram desvendando todo o mistério.

Um grupo de cientistas norte-americanos descobriu que a causa se dá por conta da alta liberação de gás metano na região. Então todos os aviões e navios desaparecidos foram alvos de um efeito natural, pois a alta atividade vulcânica existente naquele local é responsável por liberar muitas borbulhas do gás.

Triangulo Bermudas

 

Quando elas chegam na superfície da água aumentam drasticamente de tamanho, provocando destruição e afundamento das embarcações e aviões que sobrevoam a área, pois a densidade do ar, completamente afetada pelo gás, é o motivo de tantos desaparecimentos desde a década de 1940.

Além disso, outro motivo responsável que deixou os cientistas bastante intrigados é que através de um estudo detalhado do fundo do mar, foi descoberta uma quantidade significativa de hidratos de metano na área entre o Triângulo das Bermudas e do Mar do Norte, entre a Europa continental e a Grã-Bretanha.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados