Colégio Web

Localização nos Hemisférios

Como eles interferem nas coordenadas geográficas?

Publicidade

Os mapas são formas de representação de uma realidade. Eles servem de suporte de uma gama de informações sobre elementos diversos que residem no espaço: uma área ocupada, uma posição determinada ou como uma característica específica se distribui em um determinado local.

Saber interpretar um mapa é essencial e vai facilitar, por exemplo, na localização das coordenadas geográficas. O sistema de coordenadas foi criado por Eratóstenes (século 3 a.C.).

Ele dividiu a Terra em meridianos e paralelos. Em seguida, no século 2 a.C., Hiparco traçou uma rede de meridianos cobrindo os 360º da circunferência do planeta.

Já na era cristã, no século 2, Cláudio Ptolomeu elaborou diversos mapas do mundo mais conhecido e com relatos dos viajantes descreveu e localizou alguns pontos bastante importantes da Terra, com as chamadas linhas de latitude e longitude.

Ainda havia imprecisões nos traços de Ptolomeu, mas essas linhas acabaram sendo utilizadas em âmbito universal.

Paralelos e meridianos

hemisférios

Um sistema de coordenadas formado por linhas imaginárias deu origem aos meridianos. Essas linhas fazem a ligação do pólo geográfico norte ao pólo geográfico sul. Os paralelos são formados por qualquer circunferência que fique paralela à linha do equador.

Esse paralelo permitiu uma equitativa distância entre os pólos e divide a terra horizontalmente em hemisfério Norte, também conhecido como setentrional ou boreal, e hemisfério Sul, também denominado meridional ou austral.

Já os meridianos são perpendiculares ao Equador. Eles não dividem a Terra em partes iguais, pois não estão circunscritos em total na esfera terrestre.
Se você ligar um meridiano ao seu oposto, também chamado de antimeridiano, aí sim consegue-se duas metades iguais.

Em 1884, durante uma convenção internacional, se estabeleceu que o meridiano referencial deveria ser aquele que estivesse próximo ao observatório de Greenwich, localizado próximo à cidade de Londres. Assim surgiu o meridiano de Greenwich, que junto com o seu antimeridiano dividem a Terra em dois hemisférios: leste ou oriental e oeste ou ocidental.

Latitude e longitude

As distâncias angulares de qualquer ponto da superfície terrestre em relação à linha do equador, que tenham como vértice o centro da Terra, são chamadas de latitudes e indicadas por graus. A latitude do Equador é determinada em grau 0.

Nos hemisférios Norte e Sul ficam, respectivamente, latitudes norte (N) e sul (S), cujas medidas chegam a 90° nos pólos. Os pontos que ficam localizados num mesmo paralelo têm a mesma latitude.

Já a longitude é denominada como a distância em graus, de todos os pontos da Terra em relação ao meridiano de Greenwich (0º). Pode variar de 0 a 180 graus, leste e oeste, sendo que 180° é o antimeridiano de Greenwich que limita os dois hemisférios.

No século XVI, os governos chegaram a estipular prêmios para quem conseguisse construir um equipamento que medisse com maior precisão as longitudes e latutides.

Coordenadas geográficas

Quem facilitou essa medição das latitudes e das longitudes foram as coordenadas geográficas. Com elas, ficou mais simples localizar qualquer ponto na face da Terra.

coordenadas geográficas

LOCALIDADE – LATITUDE – LONGITUDE
A 60º N 30º L
B 40º N 80º O
C 10º S 60ºO
D 20º S 60º L
E 20º N 0º

Atualmente, o próprio GPS facilita essa melhor localização.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados