Colégio Web

Bacia hidrográfica do São Francisco

Saiba mais detalhes sobre a bacia do "Velho Chico"

Publicidade

Uma bacia hidrográfica é caracterizada por ser uma porção da superfície terrestre que é drenada por rios principais, córrego, ribeirão e riacho.

No território brasileiro, de acordo com pesquisas do Conselho Nacional de Recursos Hídricos (CNRH), existem 12 bacias hidrográficas.

Hoje, vamos saber um pouco mais sobre uma das mais importantes bacias que há no Brasil: a bacia do São Francisco.

Ela ocupa uma área de quase 640 mil quilômetros quadrados e tem uma importância considerável para muitos brasileiros, especialmente os que residem nos estados de Minas Gerais, Bahia, Alagoas, Pernambuco, Sergipe, Goiás, além daqueles que moram no Distrito Federal.

O personagem principal dessa bacia é o conhecido “Velho Chico”, como também é chamado o rio São Francisco.

As nascentes do “Velho Chico” estão localizadas na Serra da Canastra, no estado de Minas Gerais. Depois de percorrer quase 2.700 quilômetros com direção ao sul-norte, ela acaba atingindo a foz no Oceano Atlântico, já mais próxima dos estados de Alagoas e Sergipe.

Rios secundários

Além do São Francisco, essa importante bacia também depende de outros rios. E, apesar de secundários, eles assumem importante papel para a mesma. São os seguintes rios: Cariranha, Pardo, Grande, das Velhas, Paracatu, entre alguns outros.

Todos esses rios que compõem a Bacia do São Francisco vão fornecer água para cerca de 13 milhões de cidadãos. Especialistas explicam que as vazões médias, em termos anuais, representam 2% do total do país.

Importância econômica da Bacia do São Francisco

Para além da importância no que diz respeito ao fornecimento de água para fins de consumo humano, a bacia do São Francisco também ganha importante destaque para o desenvolvimento econômico da região. Especialmente por conta das dificuldades vivenciadas pela população do semiárido.

Bacia Hidrográfica do São Francisco

Com a bacia, torna-se possível investir em sistema de irrigação. Além disso, ela atua como auxiliadora no desenvolvimento da atividade agropecuária, com relevância para as criações de gado e os cultivos de frutas e hortaliças.

Hidrelétricas

Os potenciais hidrelétricos também são bastante aproveitados pela bacia do São Francisco, que conta com as usinas de Sobradinho, Três Marias, Paulo Afonso, Moxotó, Itapirica, Xingó.

A diversidade de biomas na região também é um aspecto a ser destacado: Cerrado, Caatinga, Mata Atlântica. Outros ecossistemas das áreas costeiras e insulares também compõem o quadro geral da geografia local.

Impactos e ressalvas

Impactos ambientaisEm que pese toda essa importância da bacia do Velho Chico falta consciência ambiental, especialmente por parte da exploração das agropecuárias. Esse impacto causou a redução drástica da cobertura vegetal em diversas áreas. Tal problema desencadeou assoreamentos no rio São Francisco e pode gerar ainda mais estragos para a população e meio ambiente.

Alguns estudos também estão sendo realizados para identificar pontos críticos relacionados à redução da vazão do rio. Esse tipo de problema afeta, principalmente, a população ribeirinha da região.

O objetivo é conscientizar a todos sobre os impactos das diversas barragens, questões relacionadas à erosão, dentre outros problemas observados pelos especialistas que acompanham e estudam os impactos da região.

E aí, quais as suas dúvidas? Fale conosco!

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados