Colégio Web

O estado de equílibrio

Publicidade

2. O estado de equilíbrio

Veja a seguir a evolução de uma reação reversível, para facilitar a compreensão do estado de equilíbrio.

Considere os reagentes de cor vermelha e os produtos de cor amarela.

Situação inicial 

Coloração do sistema: vermelha

Iniciamos, por exemplo, com 100 moléculas de cada reagente. Nesse momento inicial, no qual as moléculas são colocadas em contato, não há produtos no sistema, portanto sua cor é totalmente vermelha.

Depois de certo tempo…

Coloração do sistema: o vermelho já se parece com o laranja

A reação é desencadeada. Os reagentes começam a se converter em produtos. Os reagentes são consumidos. E os produtos são formados. Com algumas moléculas se transformando em produto, pode ocorrer a reação inversa, ou seja, algumas moléculas de C e D podem se transformar novamente em A e B.

Com o surgimento do produto, a cor do sistema começa a ser alterada.

Definimos:

v1: velocidade da reação direta
v2: velocidade da reação inversa

Depois de mais um tempo… 

Coloração do sistema: predominância da cor laranja

Ambas as reações não cessam. Porém, a velocidade da reação direta já é menor, e a velocidade da reação inversa só aumenta. O sistema em que ocorre a reação mostra aspectos evidentes de reação decorrendo.

O tempo continua passando…

Coloração do sistema: a cor laranja tende ao amarelo

A reação direta perdeu a sua velocidade pouco a pouco, enquanto reação inversa ganhava mais velocidade. O sistema em que ocorre a reação mostra que, gradualmente, houve um declínio dos sintomas de reação ocorrendo.

Algum tempo depois…

Coloração do sistema: amarelo-avermelhado

Algum tempo depois…
 

Insistindo, mais um tempo… 

Coloração do sistema: a mesma do sistema anterior

Não ocorreram mais alterações no sistema. Aparentemente tudo parou, e o sistema não apresenta mais sinais de reação química. Portanto, o equilíbrio químico foi obtido.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados