Colégio Web

Argentinossauro

Publicidade

O Argentinossauro ("Réptil argentino de Huincul") foi um dos maiores animais que existiram na Terra. O fazendeiro Guillermo Heredia encontrou fósseis gigantes e imediatamente chamou paleontólogos, que concluíram que os fósseis eram de um enorme dinossauro desconhecido. 

As vértebras do Argentinossauros eram muito rígidas e sua flexibilidade foi sacrificada por causa do imenso peso. Seus ovos eram do tamanho de uma bola de futebol. Possivelmente eles tinham sangue frio, pois teriam que ingerir aproximadamente 6 toneladas de folhas por dia se tivessem sangue quente. Uma quantidade impossível para ele que tinha uma cabeça bem pequena. Não esquecendo que isso é apenas uma teoria.
Nas imagens acima, a primeira mostra um enorme Argentinossauro sendo caçado por um grupo de Giganotossauros, a segunda mostra uma comparação entre um elefante Africano, que é o maior animal terrestre existente no planeta, um Braquiossauro (cinza), com aproximadamente 13 metros de altura e o Argentinossauro (marrom), com 20 metros de altura. E na quarta imagem temos três grandes recordistas do mundo animal, o primeiro da esquerda é um Argentinossauro ( o animal terrestre mais pesado, 100 toneldas ), o segundo no meio é um Sauroposeidon ( o animal terrestre mais alto, 25 metros ) e o último da direita é um Seismossauro ( o animal terrestre mais comprido, 52 metros ), temos também um pequeno ser humano em tamanho proporcional para verificarmos as gigantescas dimensões desses animais. 

Dados do Dinossauro: 
Nome:
Argentinossauro 

Nome Científico: Argentinossauro huinculensis 

Época: Cretáceo 

Local em que viveu: América do sul 

Peso: Cerca de 90 à 110 toneladas 

Tamanho: 20 metros de altura e 45 metros de comprimento 

Alimentação: Herbívora

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados