Colégio Web

Dilatação Térmica

Publicidade

Neste capítulo discutiremos como os corpos se dilatam após serem aquecidos. È importante sabermos que isto é um fenômeno que está em nosso dia-a-dia. Os trilhos do trem que se dilatam, os cabos elétricos, as placas de concreto de um viaduto e outros casos. Existe também a dilatação nos líquidos e estudaremos suas particularidades neste capítulo.

Dilatação Térmica dos Sólidos
Começaremos discutindo a dilatação em sólidos. Para um estudo mais detalhado podemos separar essa dilatação em três tipos: dilatação linear (aquela que ocorre em apenas uma dimensão), dilatação superficial (ocorre em duas dimensões) e dilatação volumétrica (ocorre em três dimensões).

Dilatação Linear
 
Quando estamos estudando a dilatação de um fio, teremos a ocorrência predominante de um aumento no comprimento desse fio. Essa é a característica da dilatação linear. Imaginemos uma barra de comprimento inicial Lo e temperatura inicial to. Ao aquecermos esta barra para uma temperatura t ela passará a ter um novo comprimento L. Vejamos o esquema:

Para responder a questão anterior devemos avaliar outra questão:

Do que depende a dilatação linear de uma barra?

Poderíamos citar:
→ o comprimento inicial;
→ a variação da temperatura; 
→ o tipo do material.

Logo temos que: 

O coeficiente de dilatação linear é a grandeza que indica o material utilizado. Cada material possui um a diferente. Ele é o fator determinante para escolhermos um material que não se dilata facilmente ou o contrário.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados