Colégio Web

SpaceX: a empresa que busca chegar a Marte

Publicidade

Viajar para fora da Terra e conhecer a Lua e os planetas que orbitam junto com nosso planeta é algo que parece um sonho impossível, que só pode ser alcançado nas cenas de ficção cientifica, ou por astronautas altamente treinados e qualificados, ao menos no caso da Lua. Que sim, já foi visitada pelo homem.

E um dos planetas que geram mais curiosidade em todos é Marte, que também é um dos mais próximos de nós. Não só há o desejo de descobrir se existe de fato vida no planeta vermelho, como também há a vontade secreta de poder visitar o planeta e ver de perto como é realidade fora de tudo o que conhecemos.

E apesar de parecer algo impensável e vindo dos sonhos mais doidos, hoje existe uma empresa que está buscando sim oferecer viagens ao planeta vermelho. E em um futuro não tão distante assim. Caso os planos do empresário dêem certo, você aí, que está sentado na frente do computador lendo esta matéria poderá fazer parte de uma expedição fora do planeta, chegando a Marte.

Mas será mesmo que será possível? Quem é o doido que está tentando isso?

SpaceX

Conhecido por seus planos de negócio absurdos e por ter sido um dos donos da empresa de sucesso de pagamentos online, o PayPal, Elon Musk é também o dono e fundador da SpaceX, uma empresa de transporte espacial, que foi a primeira fabricante de foguetes comerciais a enviar cargas para a Estação Espacial Internacional.

Se o planos de Elon Musk realmente derem certo, em 2100 as viagens espaciais interplanetárias serão algo de rotina, como alguém que hoje vai viajar para a Europa ou passar uma temporada na Ásia.

Os planos atuais da SpaceX é ser capaz de enviar pessoas para Marte dentro de um período de dez anos. Segundo as estimativas atuais, aqueles interessados em passar uma temporada fora do planeta teriam que desembolsar o valor equivalente a meio milhão de dólares para adquirir uma única passagem. O valor é o equivalente a quase R$ 1,9 milhão de reais. Uma viagem para realmente poucas pessoas privilegiadas.

SpaceX

Mas os planos do criador da empresa não param por aí. Ele deseja permitir que pessoas morem em Marte até a virada do próximo século. A ideia de Musk é que no começo a habitação do planeta comece com uma dezena de humanos, mas que em longo prazo, a população da colônia interplanetária atinja o contingente de 80 mil pessoas.

Um plano tão ambicioso que ultrapassa até mesmo a fortuna absurda que Elon Musk, dono da SpaceX detém. Afinal de contas, não são todos os que contam com 9,5 milhões de dólares na conta bancária.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados