Colégio Web

Quando surgiu o Tamboréu?

1O Tamboréu surgiu por volta de 1930, nas praias de Santos, no estado de São Paulo. Tudo começou quando turistas daquela área se distraíam jogando a bola um para o outro, usando um pandeiro como raquete. Mas não havia rede. Eles apenas ficavam longe um do outro, com uma distância de 100 metros. Inicialmente, somente homens praticavam este esporte.

Publicidade

Com o tempo foi riscada uma área no chão e aproveitaram uma rede de tênis. A raquete também se aperfeiçoou: deixou de ser o pandeiro, mas continuou semelhante a ele. Atualmente, a rede também já está adaptada ao esporte.

O jogo, em si, é muito semelhante ao tênis. A diferença é que o Tamboréu é disputado nas praias. O Tamboréu se propagou e hoje já tem adeptos em várias regiões. Pode ser disputado entre duas equipes de dois ou quatro jogadores.

O Tamboréu é um esporte que promove a interação social e esportiva, estimula o desenvolvimento físico, e é indicado para homens e mulheres de qualquer idade.

Regras nas quadras

Foto de Marcos Piffer

Tamboréu

O tamboréu não é um esporte jogado sem regras. Já existem regulamentos e toda uma engenharia para praticá-lo dentro das convenções. Cada grupo de atletas fica em uma metade da quadra, que está dividida por uma rede. O objetivo de cada grupo é lançar a bola no campo do adversário, de modo que este não consiga devolvê-la. E sem permitir que faça o mesmo. Em todas as variantes do tamboréu, a contagem de cada set equivale a 10 pontos. O jogo só é encerrado depois que se percebe a equipe com dois pontos à frente ou quando se está no 16º, num total de três. O ponto é marcado quando a bola toca o chão ou as linhas da quadra.

O artigo 71º do regulamento aponta os seguintes aspectos para perda de ponto.

Quando não se devolve a bola por cima da rede, no período que antecede o segundo pulo da mesma;

Quando a bola não é devolvida ao cair dentro da quadra do adversário;

Quando a bola toca no próprio piso, após a saída do tamboréu;

Quando a bola é devolvida pelo lado de fora dos dois postes que dão sustentação à rede. Ainda que ela tenha caído no campo do adversário;

Quando, para devolver a bola, seja aplicado mais de um toque, mesmo que ela não caia no piso;

Quando bater na rede, a bola cair no próprio campo daquele que a devolveu;

Bater na bola de voleio, no momento anterior ao que ela tenha passado na rede e invadido por cima o campo do opositor;

Se ao bater na rede e a bola cair no campo de quem a havia devolvido;

Se o tamboréu na mão ou fora, estiver com veste ou outro objeto, tocar na quadra ou no campo do adversário enquanto a bola estiver em jogo.

 

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados