Colégio Web

Principais erros na hora de buscar financiamento bancário

Publicidade

O financiamento bancário tem sido cada vez mais procurado por brasileiros que querem começar um novo negócio ou adquirir um imóvel.

O termo “financiamento” é usado quando uma empresa faz algum tipo de empréstimo para uma pessoa ou outra instituição. Quando se trata de empréstimo de dinheiro, a financiadora tende a cobrar uma porcentagem de juros sobre a quantia emprestada. Esta taxa de juros não é fixa e varia de uma financiadora para outra.

A partir desta definição, podemos entender o financiamento bancário como uma dívida financeira junto à uma agência bancária, que deverá ser quitada em um período pré-determinado.

Quando o financiamento é concretizado, o credor assume o valor emprestado, assim como os juros que serão calculados de acordo com a quantia financiada. Antes de fechar negócio, alguns cuidados são necessários.

A seguir, você irá conferir os principais erros na hora de buscar financiamento bancário.

Não se informar sobre o seu limite de crédito

Financiamento Bancário

Antes de fechar um financiamento bancário, é fundamental que você saiba qual o seu limite de crédito. Dessa forma, você terá uma melhor noção da quantia total que você poderá financiar.

Em financiamentos imobiliários, por exemplo, ter essa informação poderá evitar alguns transtornos. Como por exemplo, demorar para achar um imóvel e, quando finalmente encontrar um que goste, receber a notícia de que o financiamento não poderá ser feito por causa da sua renda ou qualquer outra restrição.

Fechar o financiamento com o primeiro banco que encontrar

A melhor forma de evitar pagar taxas de juros abusivas ao longo do financiamento é pesquisar em diversas agências bancárias quais são as opções mais vantajosas.

Procure conversar com os gerentes das instituições e tente negociar o valor das tarifas. Durante a conversa, é possível que as taxas sejam reduzidas.

Uma boa opção é propor à agência que você transfira sua conta salário e demais movimentações financeiras para a agência em questão.

Não levar em conta o seu orçamento familiar

Bancário Financiamento

Se você entendeu o conceito de um financiamento, deve ter em mente que este é um investimento que terá mensalidades que deverão ser devidamente quitadas.

Portanto, antes de buscar um financiamento bancário e fechar negócio, analise o orçamento familiar para evitar situações difíceis com o passar do tempo.

Quando um credor se torna inadimplente, ele passa a arcar com uma alta taxa de juros que, se não forem pagas, se transformam em uma verdadeira bola de neve. Da mesma forma, a pontualidade nos pagamentos pode resultar na concessão de descontos nas taxas do financiamento.

Se esquecer de incluir o FGTS nas negociações

Se você possui o FGTS, ou Fundo de Garantia por Tempo de Serviço, saiba que você poderá utilizá-lo ao buscar um financiamento bancário. O FGTS pode ser uma ajuda e tanto.

Afinal, você poderá usá-lo como forma de entrada no financiamento, como também usar o benefício para minimizar o seu saldo devedor. Mas atenção! Para fazer isso, consulte as regras junto à instituição bancária.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados