Colégio Web

O que é Páscoa Cristã?

Publicidade

A Páscoa ou o Domingo da Ressurreição é o momento de festividades religiosas e até mesmo considerado um período de feriados. Nessa ocasião, celebra-se a ressureição de Jesus Cristo, que aconteceu após três dias da morte do filho de Deus e sua crucificação no Calvário. Esses são relatos do Novo Testamento, que mostram a Páscoa como um das principais celebrações do ano litúrgico cristão. Na verdade, trata-se da mais importante e antiga festa cristã. É ela quem acaba determinando todo o calendário das demais festas que estão relacionadas ao Advento. No intervalo da Páscoa, o domingo é considerado o ápice de toda a trajetória da Paixão de Cristo. Antes da Páscoa, existem os 40 dias de jejum da Quaresma, que é marcado por muitas penitências, jejum e orações.

A terminologia Páscoa vem do latim Pascha. É um termo grego e bíblico: Πάσχα Paskha, do hebraico פֶּסַח (Pesaḥ ou Pesach).

Na Quaresma, a última semana é chamada de Semana Santa. Ela é marcada pelo Tríduo Pascal. Aí se comemoram a Quinta, com a Última Ceia, o ritual do Lava pés e a Sexta Feira que é tristemente marcada pela crucificação de Jesus. A partir daí começa a Páscoa, em um período de cinquenta dias, que culmina com o Domingo de Pentecostes.

Calendário Civil

Em relação ao calendário civil, a Páscoa é uma data móvel. Não há dias fixos. Os líderes do Catolicismo, por exemplo, definiram no Primeiro Concílio de Niceia (325) que a Páscoa deveria ser celebrada nos primeiros domingos após a lua cheia, depois de iniciado o equinócio vernal, também chamada lua cheia pascal.

Os estudos eclesiásticos apontam que o equinócio vernal vai acontecer em 21 de março, com uma lua cheia que pode variar. Daí o fato da Páscoa oscilar entre 22 de março e 25 de abril. No Cristianismo oriental, o cálculo é feito com base no calendário juliano. Assim, 21 de março leva, no século XXI, à data de 3 de abril no calendário gregoriano aceitos pelos ocidentais. Por tabela, a Páscoa na região oriental vai variar entre 4 de abril e 8 de maio.

Há relações entre a Páscoa cristã e a Páscoa judaica. Não só pela data, mas por todo o simbolismo. Os costumes do período variam em todo o mundo, mas há um grande respeito ao período. O que também se percebe é que ao menos nesse quesito há um importante respeito por parte de todas as religiões.

 

 

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados