Colégio Web

Nível de água do Cantareira continua caindo. O que poderá acontecer?

Publicidade

Recentemente além do noticiário de jornais e televisão e da percepção das pessoas, podemos notar que está havendo seca em muitas partes e cidades do país, não é mesmo? E pra você que mora em São Paulo e nas proximidades, certamente já está encarando uma das maiores secas nos últimos 80 anos. Isso é perceptível já que em muitas dessas cidades já há racionamento e a falta de água presente no dia a dia, sem contar que o sistema Cantareira vem mostrado uma significativa queda do seu reservatório desde o ano passado, e por conta do verão desde ano e consequentemente com o clima muito quente, infelizmente esse reservatório ainda não conseguiu repor o nível de água que teria que vir com as chuvas no mês de dezembro e janeiro.

Como a situação está muita crítica, algumas campanhas foram pensadas para que o nível da água não continue a baixar, entre elas estão a campanha da Sabesp que aplica multas aqueles cidadãos que estão desperdiçando água ou então se você economizar receberá desconto na fatura para pagamento, além de utilizar o volume morto das represas.

Mas você sabe o que é o volume morto?

Constituído pela parte da água que é considerada menos oxigenada e com menos barro, o volume morto pode colocar a saúde das pessoas em risco, já que essa água presente nele pode estar contaminada.

volume morto cantareira

Mas por que isso está acontecendo?

O uso inadequado – pelas pessoas e indústrias – da água e a falta de chuvas são um dos motivos pela seca e pelo pouco nível de água ultimamente. E infelizmente caso a chuva não venha, o problema certamente ficará ainda mais crítico.

E o que pode ser feito?

A Sabesp já tentou fazer – por cinco vezes – chover na Cantareira. Ela contratou uma empresa que deposita gotículas de água por meio de aviões nas bases das nuvens, mas apesar disso o nível de água continuou caindo, portanto, enquanto não há pancadas de chuva, toda a população deve economizar água.

volume morto

Mesmo com previsão de chuva e o pouco que está caindo do céu, o nível de armazenamento ainda não mudou, com recordes negativos de queda desde fevereiro deste ano, as chuvas, infelizmente, não foram suficientes para estabilizar o Cantareira.

Como economizar água?

A Sabesp recomenda que você adote medidas diárias para economizar a água como: tomar banhos mais rápidos e quando for se ensaboar fechar a torneira, deixar a torneira fechada quando for escovar os dentes, ao lavar o quintal ou o carro, utilizar baldes e também acumular roupas para que sejam lavadas de uma única vez. Essas medidas junto com a conscientização da população, certamente vai melhorar a situação da seca.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados