Colégio Web

Encontros Vocálicos

Publicidade

7. SEMIVOGAIS

Semivogais são fonemas que se apóiam em uma vogal para formar sílaba. Em síntese: a semivogal está sempre ao lado da vogal na mesma sílaba, formando ditongo ou tritongo.

Na escrita, as semivogais são: e, i, o e u. Na pronúncia, as semivogais são: /y/ e /w/.

a. Letra e = mãe (/mãy/), bem (/b y/),
também (/tãb y/).

b. Letra i = pai (/pay/), feito (/feytu/),
peito (/peytu/).

c. Letra o = nódoa (/nodwa/), mágoa (/magwa/).

d. Letra u = pau (/paw/), mingau (/mgaw/).

8. SÍLABAS

À união de um ou mais fonemas pronunciados em uma só emissão de voz dá-se o nome de sílaba. Em português, a base de qualquer sílaba é sempre a vogal. Assim, para determinar o número de sílabas de uma palavra, basta verificar a quantidade de vogais.

Importante: não existe sílaba sem vogal.

Número de sílabas – De acordo com o número de sílabas, os vocábulos podem ser:

a. Monossílabos – Formados por apenas uma sílaba: pois, dois, bois, Deus, meus, pneus, leis, maus.

b. Dissílabos – Formados por duas sílabas:di-a, ri-o, ru-a, lu-a, vo-a, bo-a, mo-a, Ma-naus.

c. Trissílabos – Formados por três sílabas: a-rei-a, ca-dei-a, col-mei-a, ba-tei-a.

d. Polissílabos – Formados por mais de três sílabas:
in-co-e-ren-te, se-cre-ta-ri-a, ab-rup-ta-men-te.

9. ENCONTROS VOCÁLICOS

Chama-se encontro vocálico ao agrupamento de vogais (na mesma sílaba ou em sílabas diferentes) sem consoantes intermediárias.

Tipos – Há três tipos de encontros vocálicos:

a. Hiato – É a seqüência de duas vogais pronunciadas em sílabas separadas:

i-a = vi-a, di-a, ti-a, Ma-ri-a, se-cre-ta-ri-a, ma-qui-na-ri-a.

i-o = ri-o, ti-o, fri-o, na-vi-o, des-va-ri-o.

u-a = Ru-a, nu-a, lu-a, su-a, con-ti-nu-a.

o-a = Vo-a, co-ro-a, bo-a, ca-no-a, per-do-a, lei-to-a.

u-e = a-ve-ri-gú-e, a-ve-ri-gú-es, a-pa-zi-gú-e, a-pa-zi-gú-es.

u-o = Ar-gu-o, ar-gú-is, ar-gú-e, ar-gú-em.

b. Ditongo – É a seqüência de vogal + semivogal (decrescente) ou de semivogal + vogal (crescente) na mesma sílaba:

Ditongo crescente – Na sílaba, vem primeiro a semivogal (intensidade menor); depois, a vogal (intensidade maior).

Oral – O som é produzido com o véu palatino levantado, impedindo a passagem do ar também pela cavidade nasal. Exemplos:

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados