Colégio Web

Procedimentos para equacionar as reações de dupla – troca

Publicidade

13. Procedimento para equacionar as reações de dupla-troca

– É necessário que os reagentes sejam dissociados ou ionizados, para saber os íons participantes.

– Utilizando a dupla-troca escreva os produtos que foram formados.

– sem os coeficientes, escreva a equação.

– É necessário acertar os coeficientes, e verifique se a condição será favorável para que aconteça a reação.

Por exemplo: 

1) KCl + AgNO3 →

1ª) KCl → K+ + Cl- 

AgNO3 → Ag+ + NO-3

2ª) K+ NO3 e Ag+ Cl-

3ª) KCl + AgNO3 → AgCl + KNO3

4ª) KCl + AgNO3 → AgCl + KNO3 (ocorre) 

solúvel solúvel insolúvel

Pb(NO3)2 + 2KI → PbI2 + 2KNO3

2) Pb(NO3)2 + KI →

1ª) Pb(NO3)2 → Pb2+ + 2NO-3
KI → K+ + I-

2ª) Pb2+ + 2I → PbI2
K+ + NO-3 + → KNO3

3ª) Pb(NO3)2 + KI → PbI2 + KNO3

4ª) Pb(NO3)2 + 2KI → PbI2 + 2KNO3 (ocorre)
solúvel solúvel insolúvel

3) FeCl3 + KOH →

1ª) FeCl3 → Fe3+ + 3Cl-
KOH → K+ + OH-

2ª) Fe3+ + 3OH → Fe(OH)3
K+ + Cl- + → KCl

3ª) FeCl3 + KOH → Fe(OH)3 + KCl

4ª) FeCl3 + 3KOH → Fe(OH)3 + 3KCl (ocorre)
solúvel solúvel insolúvel

FeCl3 + 3NaOH → Fe(OH)3 + 3KCl 

Surge um precipitado vermelho-ferrugem de Fe(OH)3, que foi produzido pela reação. 

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados