Digite o que você quer buscar:  
Postado em 01/06/2012 12:07, atualizado em 27/05/2015 17:48

Sexo Vaginal

Aumentar fontes para melhor leitura Diminuir fontes para melhor leitura

1A sexualidade humana não é restrita ao ato sexual. Ela ultrapassa o momento de contato entre os órgãos genitais entre dois parceiros e também envolve a compreensão do indivíduo em relação à temática sexual. Para ficar mais claro: cada criança e, logo depois adolescente, passa por um processo de compreensão em relação ao que define, ao que é uma relação sexual. Alguns podem achar que é um processo natural do elemento humano, outros compreendem que é uma ação suja ou nojenta. Há pessoas que ainda imaginam que seja um ato violento. Para que esses aspectos sejam vistos de forma saudável, o ideal é que se procure compreender a sexualidade como um processo natural entre os humanos.

Além disso, também é imprescindível que a pessoa compreenda que o ato sexual em si acontece primeiramente em seu cérebro, que automaticamente envia os comandos para o corpo. É isso que ocorre, por exemplo, durante o sexo vaginal. Que nada mais é do que o momento de penetração do pênis na vagina da mulher. É um momento em que os dois sentem prazer e também confirmam a possibilidade de gerar filhos.

O processo do coito requer que o pênis esteja ereto ao ser colocado dentro da vagina. Os parceiros passam a movimentar as ancas e assim o pênis se movimenta para trás e para a frente na região vaginal. Essa fricção acontece sem a remoção do pênis. Ele apenas faz movimentos de maior ou menor profundidade.

É um estímulo mútuo e frequente até que ocorram os orgasmos e ejaculações. Esse ato também é conhecido por intromissão, que em latim significa immissio penis. É considerada a forma mais natural de prática do sexo. Nas mulheres, muito se fala sobre a existência do ponto G como forma de estimular o prazer.

Posições e riscos

Diversas posições são utilizadas para esse momento do coito. A mais tradicional envolve a mulher deitada por baixo e o parceiro no processo de intromissão. Conhecimentos antigos sobre a sexualidade podem ser encontrados em obras como a do Kamasutra. O coito pode ser atingido com o casal deitado, em pé, sentado ou mesmo de lado.

A importância do uso de preservativos também precisa ser levada em consideração, já que as doenças sexualmente transmissíveis acabam sendo um grande problema para quem não usa camisinha ou outros métodos de prevenção. Além de cuidar para que uma gravidez indesejada não aconteça e leve a outros problemas em sua vida.


Recomendados para você

Comentários