Colégio Web

Citologia

Publicidade
CITOLOGIA

É possível que você já tenha ouvido falar que a célula é a unidade fundamental da vida. Isso significa dizer que para um "ser vivo" possuir vida, no mínimo, ele deverá ser formado por uma célula.

Assim, nada mais natural, que começarmos nosso aprendizado sobre biologia (bio = vida; logia = estudo), analisando as estruturas presentes em uma célula e suas funções, ou seja, através da Citologia (cito = célula; logia = estudo).

Histórico

As células são geralmente muito pequenas e, dificilmente, visíveis a olho nu. Por isso, apenas depois da invenção do microscópio é que foi possível observar uma célula pela primeira vez. Sabe quando isso aconteceu? No ano de 1665, pelo inglês Robert Hooke, utilizando um microscópio muito simples.

Ele fez cortes bem finos na casca de uma árvore e descobriu que estas estruturas eram formadas por pequenas unidades semelhantes a favo de mel.

O nome "célula" foi empregado pela primeira vez por ele como diminutivo da palavra "cella", que em latim significa espaço cercado por paredes.

seres vivos x seres brutos

Depois da descoberta da célula, tudo que existe passou a ser classificados em dois grupos:

Seres brutos ou Acelulares – que não são formados por células, portanto, sem vida.

Seres vivos ou Celulares – que são formados por células e que, portanto, possuem vida.

Classificação quanto ao tipo de célula

Hoje sabemos que as células que existem são de dois tipos:

Procariontes

Células muito simples, sem organelas e com material genético (DNA) localizado em uma região específica do citoplasma, mas não protegido por um envoltório, ou seja, sem uma membrana nuclear (carioteca).

Ex: bactérias e algas cianofíceas, também conhecidas como algas azuis.

Eucariontes Células mais complexas com o citoplasma rico em organelas e com o material genético (DNA) protegido pela carioteca.

Ex: animais, vegetais, fungos e protozoários.

Lembrete:Organelas são estruturas encontradas dentro da célula, delimitadas por membranas, e com funções específicas. O nome "organela" é usado como alusão à "pequenos órgãos".

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados