Colégio Web

O buraco na camada de ozônio

Publicidade

24. O buraco na camada de ozônio

O ozônio (O3) presente na alta atmosfera é constituído por um sistema em duas etapas:

– As moléculas de O2 se dissociam. 

– O choque entre um átomo O com uma molécula O2.

A decomposição do ozônio ocorre da seguinte maneira:

Esse tipo de reação é lenta, porém sua velocidade pode aumentar com influência de diversos catalisadores, como átomos Cl.

Os compostos constituídos por cloro, flúor e carbono, conhecidos por emitir o clorofluorcarbono (CFC), são fontes de átmos de cloro. Como exemplo temos os compostos CFCl3 e CF2Cl2 que são usados como gases refrigerantes e propelentes de aerossóis. Sob uma altura de 30 a 40Km a radiação ultravioleta decompõem esses compostos liberando o átomo de cloro:

O ozônio é muito importante na alta atmosfera, pois esse gás possui a capacidade de absorver luz ultravioleta. A sua destruição aumenta a incidência de câncer de pele.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados