Colégio Web

Grafólogo

A grafologia é uma ciência que estuda as técnicas de comunicação com o objetivo de identificar por meio de traços da escrita a personalidade de cada indivíduo.

Publicidade

Você sabe o que é grafologia? Sabe quais os ramos de atuação? E qual seu envolvimento com a personalidade das pessoas? Vamos conhecer tudo relacionado à grafologia e entender o papel do grafólogo nisso tudo!

O que é Grafologia?

A grafologia é uma ciência que estuda as técnicas de comunicação com o objetivo de identificar por meio de traços da escrita a personalidade de cada indivíduo. Cada ser possui uma forma própria de expressar o símbolo gráfico.

Por ser uma pseudociência, é vista por muitos como algo infundado, até mesmo sem credibilidade.  Mas há quem se identifique com a interpretação que as formas individuais de escrita possam transmitir.

O profissional que atua na área é o grafólogo. Esse profissional entende que por meio do nosso inconsciente podemos comandar a escrita, gerando várias formas e traços que representam nossas experiências anteriores, traumas, sonhos e até mesmo distúrbios psicológicos.

No Brasil, a grafologia é usada para ajudar pessoas com problemas ou distúrbios psicológicos, para seleção de pessoas para contratação de vagas em empregos e auxilia na vocação profissional.

As empresas entendem que na hora da contratação de um funcionário é preciso saber mais desse candidato, ou seja, é preciso revelar algo mais que não se tenha revelado em uma entrevista. Nesse caso, os grafólogos interpretam por meio das redações dos candidatos a personalidade de cada indivíduo.

Nos Estados Unidos, esse tipo de teste também já foi utilizado para a escolha de candidatos à Casa Branca que passaram por testes grafológicos.

Pode ser usado também para promover a orientação vocacional, onde qualquer pessoa pode utilizar-se dessa ciência com o objetivo de saber o cargo mais apropriado, suas aptidões, suas competências, suas atitudes atingindo suas metas e alcançando o sucesso profissional.

Grafólogo

Origem da Grafologia

Não se sabe exatamente quando e quem criou a grafologia, mas se sabe que ela já existe há milhares de anos. Na história, menciona-se que foram os chineses os primeiros a estudarem as letras de uma forma mais profunda e científica. Mas existem controvérsias.

Os primeiros registros de publicações de livros sobre o assunto ocorreu por volta do século XVII, mas não eram levados a sério, embora haja todo um estudo sobre as técnicas usadas na grafologia.  Um dos pioneiros na publicação de livros sobre o tema foi Camillo Baldo, professor e médico italiano.

Já por volta do século XIX, os franceses levaram esse estudo mais a sério, com fundamentações nos ramos da psicanálise. A partir desse momento, a grafologia foi transmitida para o resto do mundo.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados