Colégio Web

Comerciário

Publicidade

A palavra comércio e seus derivados também vêm de: co, “junto”, e merx, “mercadoria”.

O dia do comerciário nasceu da criação de uma organização, chamada de União dos Empregados no comércio do Rio de Janeiro que se reuniram no dia 29 de outubro de 1932 às 10 horas da manhã nas ruas Carioca, Gonçalves Dias, Largo de São Francisco, Rua do Ouvidor e adjacências aglomerou-se no Largo da Carioca.

O volume de gente foi aumentando até chegar o pessoal do Lloyd Brasileiro, da Costeira (que eram sócios da União dos Empregados no Comércio do Rio de Janeiro), os Ferroviários da Central do Brasil, o pessoal da Ligth, os Bancários, os Professores e os Jornalistas, que foram juntando-se e marcharam para o Catete (palácio do Governo Federal).

Chegando ao número de 5.000 o então presidente da época, Getúlio Vargas recebeu os manifestantes na sacada do Palácio e assinou o Decreto de Lei nº 4.042, de 29 de outubro de 1932, que regulamenta a jornada de trabalho, reduziu a carga horária escrava de 12 horas diárias, para 8 horas.

O então dia do comerciário foi decidido depois do mesmo decreto 4.042/32 ser publicado no Diário Oficial da União no dia 30/10/1932.

Curiosidade

Por causa do dia do comerciário, muitas pessoas que trabalham na área têm a seguinte bonificação:

Tal gratificação que irá constar no holerite referente ao mês de Outubro, consiste em dois dias de salário a mais para o comerciário que tem mais de 180 (cento e oitenta) dias de contrato dentro da empresa. Aqueles que tiverem de 91 (noventa e um) a 179 (centro e setenta e nove) dias de contrato, receberão 01 (um) dia de salário.

Quem é o comerciário

Comerciário é aquele profissional que atua nas seguintes áreas:

  • Comércio atacadista
  • Comércio varejista
  • Turismo
  • Hotéis
  • Motéis
  • Pousadas
  • Salão de barbearia
  • Salão de beleza
  • Instituto de beleza
  • Compra, venda, locação e administração de imóveis
  • Empresas de comunicação, publicidade e jornalismo (exceto gráficas)
  • Escritórios e consultórios de profissionais liberais
  • Estabelecimentos de ensino
  • Estabelecimentos de serviços de saúde (hospitais, clínicas, casas de saúde, laboratórios de pesquisas e análises clínicas, bancos de sangue, estabelecimentos de duchas, massagens, fisioterapia e empresas de prótese dentária)
  • Empresas de processamento de dados.

 

DICA:

Que tal fazer cursos grátis nessa área?

Clique aqui para fazer um curso grátis agora mesmo!

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados