Colégio Web

Costureira

Publicidade

A profissão de Costureira já existe há muitos séculos. Desde os tempos das nossas avós e até mesmo bisavós, essa profissão já existia. Ser costureira nada mais é do que remendar, criar ou reestilizar roupas, cortinas e demais itens.

Porém, a profissão passou por uma série de avanços quando comparada há alguns anos com os dias de hoje. Isso porque as máquinas de costura foram se modernizando, além de ganhar até mesmo portabilidade, o que facilita e muito o dia a dia das costureiras.

Em geral, a maior parte das pessoas que adere a profissão é mulher. Embora já se passou o tempo em que somente as mulheres costuravam, a profissão tem um toque um pouco mais feminino. Porém, nos dias de hoje é possível também encontrar muitos homens costureiros.

Costureira

Muitas mulheres adquiriram o dom da profissão por aprenderem a costurar nas escolas ou em casa com a mãe e a avó. Por muito tempo, as escolas ensinavam as meninas a costurar já que em épocas bem distantes eram as donas de casa que faziam as roupas para vestir.

Podemos dizer que costurar não é somente uma profissão, mas pode ser também um hobby já que é uma tarefa um tanto quanto terapêutica para alguns. É possível criar muitas coisas enquanto se costura, utilizar tecidos diferentes e usar a imaginação para costurar coisas novas e bonitas.

Mercado de trabalho

O que era apenas uma forma de fazer roupas para se vestir passou a ser uma profissão. E nos dias de hoje, o mercado de trabalho de uma Costureira está ainda muito grande. Uma costureira pode ter o próprio negócio em casa reservando um espaço para edição de roupa.

Mas, se você quiser um comércio próprio, pode ter um ponto de costura. Ou então, trabalhar em empresas terceirizadas na produção de costuras.

Costureira Profissão

Remuneração

A remuneração de uma costureira pode variar e muito dependendo de onde ela trabalha. Uma costureira que trabalha em casa realizando costuras e reformas de roupas tem o salário completamente diferente daquela que trabalha em uma empresa terceirizada apenas costurando e reformando cortinas, por exemplo.

É possível fazer o próprio salário a cada mês trabalhando de forma autônoma ou então ter um piso fixo em empresas.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados