Colégio Web

Qual o papel dos hormônios?

O-que-sao-HormoniosSempre estamos preocupados com o papel da alimentação, da prática da atividade física e tantos outros aspectos para manter o bem-estar de cada indivíduo.

Publicidade

Porém, você já parou para se perguntar sobre a importância dos hormônios em sua vida? Muita gente só dá importância a esses “indivíduos” com o avançar da idade, mas agora você saberá exatamente qual o impacto de cada hormônio em seu corpo. Afinal de contas, eles influenciam desde o aparecimento de uma pequena emoção e podem, também, ser decisivos para a cura de doenças mais complexas.

O hormônio é uma substância química produzida pelas estruturas da glândula endócrina. Nessa região ocorre a liberação de diversas secreções que chegam à corrente sanguínea e são transportadas para diferentes regiões do corpo.

Os hormônios vão atuar em diferentes locais, com células especializadas ou mesmo para agir em determinados órgãos. São os chamados órgãos-alvos. Quando os hormônios atingem os locais de ação, começam a provocar bloqueios ou ativações naquelas estruturas. É uma forma de controlar o funcionamento daquela engenharia. Um dos hormônios mais conhecidos, por exemplo, é o do crescimento. Há, em seguida, todo um papel hormonal para desenvolver e equilibrar internamente o organismo.

Diferentes funções hormonais

Como cada glândula vai tratar de um hormônio específico e atuar por órgãos, estabeleceu-se que existe um conjunto de glândulas endócrinas. Elas compõem o sistema endócrino de cada organismo. Com base nesse sistema, veja abaixo a função de cada hormônio.

Somatotrofina: também conhecido como hormônio do crescimento. Fica localizado na hipófise e é responsável pelo crescimento do corpo.

Prolactina: presente na hipófise, responsável por estimular a produção do leite depois do parto.

Ocitocina: no momento do parto é responsável pelas contrações uterinas. Fica alojado na hipófise.

Tri-iodotironina (T3) e Tiroxina (T4): presentes na tireoide, atuam nos metabolismos celulares.

Calcitonina: responsável por promover a deposição do elemento cálcio nos ossos, localizado na tireoide.

Insulina: muito comentado por quem discute o diabetes. É um hormônio produzido pelo pâncreas, que vai captar glicose em cada celula e equalizar as concentrações da glicose na corrente sanguínea.

Glucagon: ainda no pâncreas, o glucagon é responsável pela quebra do glicogênio na região do fígado. Por tabela, acaba aumentando o nível de glicose no sangue.

Adrenalina: ideal para quem gosta de esportes radicais? Sim, pois acelera os batimentos cardíacos e permite aquela sensação maravilhosa de prazer. O hormônio adrenalina fica localizado na glândula suprarrenal.

tireoideEstrógeno: o termo é muito comum para mulheres que usam pílulas anticoncepcionais. Esse hormônio fica localizado no ovário e é responsável pela promoção dos aspectos sexuais de caráter secundário do corpo feminino. O alargamento do quadril e mesmo o crescimento da mama.

Progesterona: é a substância química que prepara a mulher para o momento da gestação. Também localizada no ovário.

Testosterona: apesar de localizado nos testículos, também é produzido pelas mulheres. Porém, a função máxima desse hormônio é de agir no corpo masculino.

Nele, contribuirá para o desenvolvimento dos aspectos secundários do homem. É o caso do aparecimento da barba, o fortalecimento das regiões musculares e o engrossamento da voz.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados