Colégio Web

Criptorquidia

Uma criança com Criptorquidia nasce com uma pequena parte do seu corpo não formada totalmente, que são os testículos.

Publicidade

Quando a criança está na barriga da mãe, tem todo o tempo (Nove meses), para que seu pequeno corpo seja formado, em uma criança que nasce com criptorquidia é diferente, uma pequena parte do seu corpo não é totalmente formada, que são os testículos.

Apenas aproximadamente 65% dos testículos são formados, ou seja, não há o desenvolvimento completo dos testículos. E ele não é localizado na bolsa escrotal.

Existem vários tipos de tratamento; um deles é feito com o uso da gonadotrofina coriônica, que faz com que haja o amadurecimento mais rápido dos testículos, ou é somente realizada uma cirurgia para que haja a liberação dos testículos das aderências que se formaram dentro do abdômen, para que eles sejam conduzidos para a bolsa escrotal, já o outro é feito a partir de injeções hormonais para que seja realizado o estímulo da descida dos testículos, uma outra boa opção é que se o testículo está ausente seja adotado o uso de implantes artificiais.

Esse tipo de problema pode causar infertilidade na criança, por isso, se faz necessário que os tratamento. sejam realizados e a cirurgia (se possível) também, porque se não forem seguidos esses diagnósticos, a criança quando tiver por volta dos quatro a 10 anos de idade, os sintomas e a doença podem voltar, esse fator é chamado de Criptorquidia Adquirida.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados