Colégio Web

Morcegos

Os morcegos são mamíferos que caracteriza-se por animais vertebrados, possuidores de corpo coberto de pêlos e que nutrem seus filhotes no início de seu desenvolvimento por leite secretado pelas glândulas mamárias das fêmeas.

Publicidade

Os morcegos são mamíferos pertencentes à Classe Mammalia que caracteriza-se por animais vertebrados, possuidores de corpo coberto de pêlos e que nutrem seus filhotes no início de seu desenvolvimento por leite secretado pelas glândulas mamárias das fêmeas. 

São os únicos mamíferos com capacidade real de vôo, propiciada pela membrana que une 4 dos 5 dedos do membro anterior, formando a asa. Outras espécies, como o esquilo-voador, apenas planam, após saltar de lugares altos.
Os morcegos ocorrem em quase todo o planeta, só não sendo encontrados em locais muito frios como nos pólos. São em geral pequenos, na grande maioria não excedendo 100 gramas de peso. 

Apresentam hábitos crepusculares e noturnos e parte significativa das espécies orienta-se pela ecolocalização, emitindo sons de alta freqüência, inaudíveis ao homem, que ao esbarrar em algum objeto, retornam sob a forma de eco.
No Brasil nós temos morcegos de norte a sul, a quantidade de espécies varia de região para região, mas eles estão em todo nosso país. 

Principais abrigos de morcegos: 

• nossas casas (forros, sótãos e porões, frestas na paredes e marquises)
• construções abandonadas
• torres e forros de Igrejas
• cavernas e grutas
• túneis, bueiros e passagens de gado sob as rodovias
• pontes
• copas e folhagens de árvores e arbustos
• vãos de dilatação de prédios
• ocos de árvores
• fossos de elevadores
• cachoeiras 

As quase 1.000 espécies de morcegos no mundo, comem os mais variados alimentos. Cada espécie tem seu próprio cardápio e são muito sofisticados à mesa. Assim, quase sempre são grandes aliados dos humanos. Os morcegos comedores de frutas, ou frugívoros, comem frutas é claro, e assim espalham sementes que logo se tornarão árvores, salvando desta forma nossas matas tão atacadas pela mão do homem. 

Os carnívoros usam sua poderosa visão, a ecolocalização e sons emitidos de suas presas para encontrar comida. Morcegos pescadores capturam suas presas dentro d’água e usam a ecolocalização durante a pescaria.
Os morcegos hematófagos se alimentam de sangue, alguns de aves e pássaros, outros de grandes animais como vacas e cavalos. Estudos feitos com as substâncias anticoagulantes presentes na saliva destas espécies poderão ajudar a salvar vidas de pessoas com doenças do coração. 

Importância dos morcegos 
•Os morcegos são importantes, pois comem toneladas de insetos por ano. Um bom e esperto morcego insetívoro pode devorar mais de 600 mosquitos por hora, fazendo assim um rigoroso controle de população. 

•Os morcegos comedores de frutas espalham sementes de centenas de espécies de árvores, contribuindo desta forma para a recomposição de nossas florestas e matas. 

Há, pelo menos, 40 milhões de anos, eles se alimentam do pólen e do néctar das flores. A dieta, que pode ter se iniciado por acaso, faz com que esses animais contribuam para a regeneração das florestas e para a disseminação e distribuição de várias plantas. 

Um aspecto mais interessante dos morcegos é a capacidade que apresentam de se guiarem no escuro por meio de emissão de ultra-sons( ecolocalização ). 

Os morcegos apresentam uma gestação de dois a sete meses, dependendo da espécie. Os insetívoros têm um período de gestação de dois a três meses, enquanto que os fitófagos (frugívoros e polinívoros), em torno de três a cinco meses. O mais longo período de gestação pertence aos morcegos hematófagos, tendo uma gestação em torno de sete meses. Os filhotes (geralmente um por gestação) nascem sem pêlos ou com uma pelagem tênue. 

Os morcegos procuram abrigos que possuam condições que atendam suas necessidades de temperatura, umidade, luminosidade e acasalamento. Utilizam cavernas, frestas em rochas, forros e sótãos, porões, edificações, folhagens e copa de árvores e palmeiras para serem ocupados como abrigos. 

Os morcegos só mordem para se defender. Ele tem muito mais medo do que você dele, pode ter certeza. Em caso de mordida, ou mesmo um arranhado por morcegos faça o seguinte: 

• lave o local com bastante água e sabão;
• não mate nem jogue fora o animal;
• procure orientação médica na Unidade de Saúde mais próxima de sua casa imediatamente;
• ligue para o Laboratório de Manejo de Animais Peçonhentos e Quirópteros ou órgão de saúde equivalente em sua cidade;
• isso é muito importante para você e para toda a comunidade, o morcego tem que ser examinado!

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados