Colégio Web

Entendendo a reprodução sexuada

Publicidade

A reprodução é a forma de ocorrer a  continuidade de toda espécie de seres vivos, sendo fundamental para a existência de todo ecossistema.

Existem dois tipos de reprodução: assexuada e sexuada. Vamos aprender nesse texto o que é reprodução sexuada.

Sobre a reprodução sexuada

A reprodução sexuada consiste no encontro de gametas (células sexuais). O gameta feminino é chamado de óvulo e localiza-se no interior do ovário. O gameta masculino é chamado de espermatozoide e localiza-se no interior do testículo.

O gameta são células sexuais que se encontram para a fecundação ou concepção dando origem a um novo ser de mesma espécie.

Reprodução Sexuada Animais

O gameta feminino é fecundado pelo gameta masculino originando a célula-ovo, que sofre divisões sucessivas formando um novo ser vivo com as características maternas e paternas. Ele terá características de ambos, porém terá características variadas da espécie.  Já no caso de reprodução assexuada, possuirá características exatamente iguais.

A variedade de características aumenta a probabilidade de sobrevivência da espécie, pois o ambiente pode eliminar aquelas que não sejam resistentes.

Após a fecundação ocorre a formação da célula-ovo que se desenvolve formando o embrião. Alguns animais crescem no ovário de sua mãe, já outros se desenvolvem no meio ambiente passando por muitas alterações interessantes.

Cromossomos e genes

reprodução sexuada

Por meio da célula, sabemos a estrutura e o funcionamento de todo o ser vivo.  As características de cada organismo estão no tipo de célula que a originou.  Já os cromossomos são filamentos de vários tamanhos e formas que estão localizados no núcleo celular. Os genes são estruturas menores e uma infinidade dessas estruturas formam um cromossomo.

No interior de cada célula encontramos um par de cromossomos que são semelhantes e recebem o nome de cromossomos homólogos. Para a formação de cada ser é transmitido um par de cromossomos do pai e um par de cromossomos da mãe. Da mesma forma transmitiremos cromossomo de cada par aos nossos filhos.  Os cromossomos contidos no espermatozoide e os cromossomos encontrados no óvulo formarão novos pares de cromossomos na célula-ovo.

A quantidade de cromossomos varia de espécie para espécie, mas é sempre o mesmo número para uma mesma espécie.

Diante do que aprendemos podemos então dizer que um único cromossomo possui milhares de genes. Se pegarmos como exemplo o homem, que possui 46 cromossomos em cada célula, a quantidade de genes existentes será imensa. Por esse motivo no gene encontramos traços hereditários dos pais como cor de olhos, cabelos, formato do nariz, etc.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados