Colégio Web

Baleia Azul – O maior animal da Terra

Publicidade

O mundo já viu, até onde se sabe, uma série de animais espetacularmente grandiosos, como muitas espécies de dinossauros, por exemplo, e como algumas espécies de mamíferos e peixes.

Mas até onde a ciência conseguiu descobrir algo, o fato é que não se viu na História de nosso planeta, um animal tão grande quanto à baleia azul, que conta com até 30 metros de comprimento e que pode pesar mais de 180 toneladas. Vamos conhecê-la um pouco mais!

A maior baleia de todas

Azul Baleia

A baleia azul é simplesmente a maior de todas as baleias, e pertence à subordem Mysticeti, que é uma subordem da ordem dos cetáceos, que, por sua vez, pertencem à classe dos mamíferos.

Portanto, as baleias azuis são também os maiores mamíferos da Terra, superando em muito o maior mamífero terrestre, que é o elefante, e deixando para trás a maior parte das espécies de baleia hoje existentes.

Com seu corpo longo e bastante esguio, a baleia azul consegue se mover com bastante agilidade, apesar de seu tamanho descomunal, apresentando uma coloração azul acinzentada em seu dorso, sendo que em seu ventre, esta coloração é mais clara.

A baleia azul apresenta pelo menos três subespécies distintas: B. m. musculus (que vive somente nos oceanos Atlântico e Pacífico), B. m. intermédia (que vive somente no oceano Antártico) e B. m. brevicauda (baleia-azul-pigméia, que vive no oceano Índico e no sul do oceano Pacífico).

Há ainda uma quarta subespécie (não há consenso entre a comunidade científica quanto a isto), que é chamada de B. m. indica (que vive apenas no oceano Índico).

Baleia de barbatana

Baleia Azul

A baleia azul, apesar de seu tamanho imenso, apenas se alimenta de pequenos crustáceos chamados de krill, que come em grandes quantidades com a ajuda de sua imensa boca dotada de barbatanas.

Aliás, estas barbatanas, que ficam no lugar dos dentes, funcionam como uma espécie de filtro, para retirar o krill da água sempre que elas engolem uma grande quantidade de alimento.

Mas apesar de comerem muito krill, também é sabido dos cientistas que elas também podem se alimentar de pequenos peixes e de pequenas lulas.

Ameaçada de extinção

Por conta da caça intensiva que sofreu nos últimos séculos, a baleia azul, que já teve agrupamentos de até 240 mil indivíduos na Antártida no início do século XX, agora é considerada uma espécie ameaçada de extinção.

Protegida por lei, ela conseguiu se recuperar, mas atualmente, há agrupamentos bem menores, e com no máximo 2 mil indivíduos, o que faz com que uma baleia azul possa navegar por anos sem conseguir encontrar outra de sua espécie.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados