Colégio Web

Wassily Leontief


(1906 – 1999)
Economista soviético-estadunidense nascido em São Petersburgo, depois Leningrado, no período soviético, professor da Harvard University, Cambridge, MA, USA que fez análises pioneiras em sistemas de contas do tipo insumo-produto e ganhador do Prêmio Nobel de Economia (1973) por desenvolver uma teoria de planejamento econômico através da análise de um sistema do tipo insumo-produto, a Matriz de Leontief, e por sua aplicação em importantes problemas econômicos. Filho de um professor de economia, Wassily W. Leontief e sua esposa Eugenia, viveu sua juventude durante o período revolucionário russo e a derrubada dos regime czarista. Entrou para a Universidade de Leningrado (1921) e após estudar filosofia, sociologia e, finalmente, economia, recebeu o diploma de economista (1925). Continuou seus estudos na Universidade de Berlim com Werner Sombart e Ladislaus Bortiewicz, e recebeu o Ph.D. com a dissertação teórica Wirtschaft als Kreislauf (1927). Trabalhou no Instituto de Economia Mundial da Universidade de Kiel (1927-1930), pesquisando em derivação de demanda estatística e curvas de abastecimento. Esteve por um ano na China e emigrou para os EUA, para trabalhar para o National Bureau of Economic Research in New York (1931). No ano seguinte entrou para o Department of Economics da Harvard University, Cambridge, MA, USA (1932) e casou-se com a poeta Estelle Marks (1932). Publicou o seu livro The Structure of the American Economy (1941) em que pela primeira vez utilizou a sua tabela de entradas-saídas, a famosa Matriz de Leontief. Tornou-se Professor de Economia (1946), organizou o Harvard Economic Research Project (1948), onde foi seu diretor (1948-1973) e tornou-se Chairman da Harvard Society of Fellows (1965). Naturalizado, tornou-se professor na Universidade de New York (1975) e morreu em New York City, New York. Foi membro e dirigente de várias associações de classe como American Economic Association (President, 1970) e Econometric Society (President, 1954), Corresponding Fellow da British Academy (1970) e Corresponding Member do Institut de France (1968). Também recebeu várias condecorações como Order of the Cherubim, University of Pisa (1953), Doctor honoris causa da University of Brussels (1962), Doctor of the University, University of York (1967), Oficial da Legião de Honra da França (1968), Bernhard-Harms Prize Economics, West Germany, (1970), Doctor honoris causa da University of Louvain (1971) e da Universidade de Paris, Sorbonne (1972).

Publicidade

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados