Colégio Web

Sir David Brewster

Publicidade

Físico e inventor e escocês nascido em Jedburgh, Roxburghshire, que inicialmente estudou teologia na University of Edinburgh, mas lá se voltou para a ciência (1799), tornando-se um importante nome na história científica da absorção, reflexão e polarização da luz, estabelecendo leis, descobrindo os cristais de dois eixos e inventando o caleidoscópio. Descobriu experimentalmente (1812), que quando o ângulo de incidência qi é igual a qrp, o ângulo refratado e o ângulo refletido fazem 90°, a Lei de Brewster. Inventa o caleidoscópio e registrou a sua patente (1817). Mostrou que gases frios produziam linhas de absorção escuras nos espectros contínuos (1832). Descobriu (1844) que uma imagem com um padrão repetido mas possuindo pequenas diferenças, dava uma sensação visual de profundidade.

Começou a fazer estereoscópios compactos equipados com visores de aumento, com o propósito de fundir pares de daguerreótipos tomados por câmeras de artifício lateral por 2 1/2 polegadas entre as exposições. Após algumas tentativas, ele finalmente desenvolveu (1849) uma câmara estereoscópica, à qual se seguiriam inúmeros outros dispositivos do mesmo tipo. A idéia básica da estereofotografia é a visualização de duas fotos, mas deixando que cada olho apenas veja uma seu conhecido instrumento em forma de caixa com duas lentes de aumento descentralizadas em cima, uma abertura em baixo para o daguerreótipo, ou – posteriormente – para impressão em papel, e uma portinhola dobrável na frente para a entrada da luz. A razão das lentes descentralizadas, duas objetivas afastadas uma da outra em 2 1/2 polegadas, era para permitir ver o impresso, ligeiramente maior que a separação entre os olhos. Também mostrou a fotografia em três dimensões pela primeira vez (1851), na Inglaterra. Morreu em Allerby, Melrose, Roxburghshire, o chamado ângulo de Brewster indica o ângulo segundo o qual a luz se polariza por reflexão.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados