Colégio Web

Siger de Brabante

Publicidade

Filósofo averroísta belga nascido em Brabant, mestre na faculdade de arte da Universidade de Paris que professava a doutrina da dupla verdade, por exemplo, enquanto Tomás de Aquino procurava conciliar fé e razão, ele pregava o contrário, o chamado averroísmo latino. Sacerdote secular, era um homem muito sábio, pois fragmentos existentes de suas obras citam al-Kindí, al-Farabí, al-Gazalí, Avicena, Avempace, Ibn Gabirol, Averroés e Maimônidas.

Em uma série de comentários sobre Aristóteles e em um opúsculo de controvérsia chamado de Contra esses homens famosos em filosofía, Alberto e Tomás», sustentava que São Alberto Magno (1200-1280) e São Tomás de Aquino (1224-1274) interpretaram falsamente aquele filósofo grego enquanto que Averroés o fez corretamente. Averröis ou Averroés, considerado o maior entre todos os filósofos árabes que por sua interpretação da obra de Aristóteles, deixou inúmeros seguidores criando, assim, o averroísmo.

Professor da Universidade de Paris, embora tivesse muitos seguidores na universidade, sua candidatura ao reitorado (1271) não teve sucesso, possivelmente devido a oposição das autoridades da Igreja Católica da Cidade Luz. Foi condenado como herege pela Inquisição (1277) e foi levado para a Itália como preso da cúria romana. Infelizmente foi morto a punhaladas em Orvieto, na Umbría, por um monge enlouquecido, segundo uma duvidosa versão eclesiástica. Segundo Dante ele foi um mártir do averroísmo, condenado por heresia averroísta e assassinado por instigação papal.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados