Colégio Web

Rudolf Ludwig Mössbauer

Físico alemão nascido em Munique, que descobriu o hoje chamado Mössbauer effect (1955) e que dividiu o Prêmio Nobel de Física (1961) por seu método de produção e medição sobre raios gama e pela descoberta do efeito Mössbauer, com o norte-americano, Robert Hofstadter, da Stanford University, Stanford, CA. Filho de Ludwig Mössbauer e sua esposa Erna Ernst, foi educado no Oberschule, uma escola secundária não clássica, em Munique. 

Depois de trabalhar durante um ano em laboratórios industriais (I948), entrou para o Technische Hochschule, em Munique (1949) para estudar física, obtendo sua graduação intermediária (1952). Iniciou a investigação da absorção dos raios gama (1953) e desenvolveu sua tese de M.Sc. no Laboratório de Física Aplicada da universidade (1953-1954), ao mesmo tempo em trabalhava como lecturer assistente no Instituto de Matemática. Depois (1955-1957) trabalhou na tese para o doutorado no Instituto de Física do Max Planck Institute para Pesquisa Médica, em Heidelberg, onde trabalhando em Ressonância Nuclear, fez a primeira observação experimental do fenômeno que lhe tornaria famoso: o espectro de absorção nuclear ressonante sem recúo ou efeito Mössbauer. Orientado pelo Professor Maier-Leibnitz da Universidade Técnica de Munique, fez sua grande descoberta (1955) e obteve seu Ph.D em Física (1958). 

Publicidade

Ainda no Max Planck Institute em Heidelberg (1958), ele provou a existência experimental direta do fenômeno e, no ano seguinte, foi nomeado assistente científico na Universidade Técnica de Munique. Um ano depois, aceitou um convite para ir os EEUU (1960) integrar o staff do California Institute of Technology, Pasadena, inicialmente como Research Fellow e, depois, como Senior Research Fellow, e lá continuou as suas investigações sobre a absorção gama, e tornou-se Professor titular de física do CIT (1961). Três anos mais tarde retornou para Munique como professor no Technische Hochschule. Suas descobertas ajudaram a provar a teoria da relatividade de Einstein. e lhe têm trazido muitas honrarias científicas como o prêmio Research Corporation New York (1960), o Röntgen Prize da University of Giessen (1961) e a Elliot Cresson Medal do Franklin Institute (1961).

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados