Colégio Web

Richard Georg Strauss

Publicidade

Compositor alemão nascido em Munique, aclamado como sucessor de Wagner. De uma família de compositores austríacos, era filho do principal trompista da orquestra da corte de Munique, recebeu cuidadosa formação musical e, ao deixar a escola (1882), já havia composto mais de 140 obras. Com apenas 22 anos tornou-se regente assistente da orquestra de Meiningen e iniciou brilhante carreira como regente.

Em Meiningen, pôde admitir sua admiração por Wagner e começou a compor fora dos moldes clássicos e a experimentar o poema sinfônico. Em Weimar (1889), regeu a primeira apresentação de seu poema sinfônico Don Juan, e mais tarde (1894), ainda em Weimar, estreou sua primeira ópera, Guntram. Casou-se com a soprano Pauline de Ahna, que se tornaria sua principal intérprete. Deixou o cargo de regente em Berlim (1919) para co-dirigir a Ópera de Viena (1919-1924).

Exerceu cargos importantes como músico oficial do regime nazista, porém sua colaboração com o judeu Hofmannsthal e o fato de sua nora ser judia, obrigaram-no a deixar o país, transferindo-se com a família para Viena. Após o final da guerra, voltou à Alemanha e morreu em Garmisch-Partenkirchen.

Entre suas muitas composições citam-se Also sprach Zarathustra (1896), Don Quixote (1898) e Ein Heldenleben (1899), Salomé (1905), Elektra (1906-1908), Der Rosenkavalier (1909-1910), Ariadne auf Naxos (1912), Die Frau ohne Schatten (1919), Die ägyptische Helena (1928) e Arabella (1929-1932).

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados