Colégio Web

Ricardo Güiraldes

Publicidade

Poeta, novelista e contista argentino nascido em Buenos Aires, na casa de seus bisavós, um dos mais cultos e talentosos escritores de sua época e que com seu romance e obra prima Don Segundo Sombra, recebeu o Prêmio Nacional de Literatura (1926). Filho dos estancieiros Manuel Güiraldes e Dolores Goñi, viveu uma infância rural e a juventude entre a estância paterna de La Porteña, em San Antonio de Areco, província de Buenos Aires, onde conheceu e aprendeu a estimar os gaúchos, em cujos costumes e tradições centrou sua obra. 

Ainda criança viajou com o pai para a França, mas estudou no Colegio Nacional de Buenos Aires, onde bacharelou-se Posteriormente deixou inconclusas os cursos universitários de arquitetura e de direito. Foi pela primeira vez a Paris (1910) e entrou em contato com a nata literária francesa. Dessa época publicou o livro de poesias e prosa El cencerro de cristal (1915), que exerceria profunda influência sobre a poesia argentina e representou a transição entre o modernismo e o ultraísmo. 

Seu Don Segundo Sombra converteu-se num dos romances argentinos de maior prestígio internacional. Com a saúde debilitada, voltou á Europa, mas não se recuperou e morreu em Paris. Em sua obra ainda foram notáveis os romances Cuentos de muerte y sangre (1915), Raucho (1917), Rosaura (1917), Xaimaca (1923) e Pampa (1954).

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados