Colégio Web

Raymond Pearl

Publicidade

 

Raymond Pearl foi um estadunidense que se destacou nas áreas de estatística e biologia, tendo feito várias pesquisas sobre população, alcance de vida e hereditariedade. Foi ele quem fundou a biometria nas ciências e passou a aplicar as noções de estatística nas áreas biológicas e médicas. Estudou no
Dartmouth College e foi instrutor da University of Michigan, quando conquistou o Ph.D. em zoologia no ano de 1902.
Concluiu o pós-doutorado na University of Leipzig e na University College, tendo sido orientado pelo famoso Karl Pearson.
Membro do National Research Council, trabalhou como chefe da divisão de estatística da U.S. Food Administration e ali também fez pesquisas na área da agricultura.

Lecionou biometria na University of Johns Hopkins e foi chief statistician do Johns Hopkins Hospital entre 1919 e 1935, além de ter dirigido o Institute of
Biological Research. Ainda quando dava aulas na John Hopkins, concluiu a publicação de The Natural History of Population quando constatou que as pessoas que utilizavam a anticoncepção na vida sexual confessavam que acabavam lançando mão do aborto criminal de forma mais acentuada do que os que não faziam uso da anticoncepção.

Raymond Pearl estudou os efeitos do fumo na qualidade de vida dos indivíduos e fez outras obras sobre assuntos estatísticos e biomédicos. Morreu na Pennsylvania, mas deixou fundada a Quarterly Review of Biology e a Human Biology e uma imensa contribuição para a ciência.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados