Colégio Web

Quinto Ênio

Publicidade

Poeta épico latino nascido em Rudiae, Calábria, Itália, um dos mais notáveis poetas de sua época, conhecido como criador da literatura romana ou também como o pai da poesia romana. Batalhou nas guerras púnicas, as contra Cartago, e após deixar o exército, foi levado a Roma por Catão e Elder (204 a.C.).

Como dominava três idiomas: o osco, sua língua materna, o grego, em que foi educado, e o latim, falado no exército romano, em que serviu durante a segunda guerra púnica, iniciou ensinando grego. Como professor gozou da simpatia de patrícios ilustres, entre os quais Cipião o Africano, e tornou-se cidadão romano (184 a. C.).

Faleceu em Roma e, além da famosa epopéia Annales, onde conta a história de Roma desde os tempos lendários até seus dias, escreveu também tragédias e poesias de inspiração filosófica e moral e foi introdutor do hexâmetro no latim, o típico verso grego, que se tornou a forma padrão de verso para as epopéias romanas.

A maioria de suas tragédias, quase todas sobre temas gregos, foram baseadas nas de Eurípides, e sua forma de expressão poética alcançou sua maior beleza nos versos de Virgílio.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados